NFL

C.J. Anderson: Todd Gurley estava “mais lesionado” do que os Rams pensaram

Todd Gurley, running back do Los Angeles Rams

(Crédito: Twitter/reprodução)

Todd Gurley foi peça fundamental na campanha do Los Angeles Rams, contudo, depois de uma temporada em que somou 21 touchdowns e 1.831 jardas da linha de scrimmage, o running back teve atuações apagadas na final da NFC e no Super Bowl. Foram apenas 14 carregadas nos dois jogos e 31 em toda a pós-temporada.

O jogador de 24 anos lidou com uma lesão no joelho no final de 2018 que o tirou das duas últimas partidas da temporada regular. Durante o período, C.J. Anderson ocupou o papel de protagonista e agora ele comentou a situação vivida que gerou muitos questionamentos sobre a condição física do astro da franquia da Califórnia.

“Ele estava mais lesionado do que pensávamos. A lesão era um pouco maior do que todos acreditavam, incluindo ele mesmo”, declarou Anderson em entrevista ao ‘USA Today’.

Gurley entrou no injury report na semana do Super Bowl e, mesmo após a derrota para o New England Patriots, o Los Angeles Rams insistiu que ele estava bem e até chegou a justificar sua pouca atividade na final da NFC como escolha de plano de jogo. No entanto, sua pouco utilização sugere outra coisa e é estranho imaginar que o head coach Sean McVay deixaria de utilizar sua maior arma.

Na rodada divisional, o atleta de 24 aos teve partida de 115 jardas e um touchdown em 16 carregadas após três semanas de descanso. Sua pouca utilização nos jogos seguintes deu a entender que seu joelho precisava de mais tempo parado.

“Obviamente, é a mesma lesão no joelho que ele já teve na carreira. Já passei por uma cirurgia no menis e, uma vez que você tem um joelho, você sempre terá um joelho. Então isso agrava e, se ele tinha muitos toques no começo do ano, obviamente ele era um dos melhores running backs e provavelmente esse é o caso”.

Comments
To Top