NFL

Buffalo Bills dispensa Richie Incognito da lista de reservas/aposentados

Richie Incognito, guard do Buffalo Bills

(Crédito: Twitter/reprodução)

O Buffalo Bills dispensou o guard Richie Incognito da lista de reservas/aposentados nesta segunda-feira (21), como anunciou a franquia de maneira oficial.

Incognito disse aos Bills que queria atuar novamente na National Football League, como disse uma fonte ao jornalista Adam Schefter, da ‘ESPN’ norte-americana.

Vale lembrar que o offensive lineman, quatro vezes selecionado ao Pro Bowl durante sua carreira, anunciou sua aposentadoria da NFL em abril.

Com a decisão dos Bills de dispensá-lo, Incognito se torna um free agent de maneira imediata e, assim, ele está disponível para assinar com qualquer potencial interessado.

Os Bills colocaram Incognito na lista de aposentados no dia 12 de abril, dois dias depois que o jogador de linha ofensiva informou à NFL Players Association (NFLPA), sindicato dos atletas da liga, que estava parando com o futebol americano profissional.

Atualmente com 34 anos de idade, Incognito disse posteriormente em entrevista ao jornal ‘The Buffalo News’ que tomou a decisão por motivos relacionados à sua saúde.

A aposentadoria se deu depois que Incognito e os Bills acertaram um contrato renegociado em março que incluiu um corte salarial de US$ 1,7 milhão para 2018, que seria a última temporada no contrato do guard.

Dias depois de anunciar a aposentadoria, Incognito demitiu seu agente David Dunn em um tweet.

Na época de sua aposentadoria, Incognito seguia sob investigação da NFL devido a uma acusação feita pelo defensive lineman Yannick Ngakoue, do Jacksonville Jaguars, de que o offensive lineman dos Bills teria usado uma ofensa racial durante o jogo entre as duas equipes, válido pela rodada de wild card dos playoffs da Conferência Americana (AFC) na temporada passada.

Selecionado na terceira rodada do draft de 2005 pelo então St. Louis Rams (atual Los Angeles Rams), com a 81ª escolha geral, Richie Incognito passou 11 temporadas na NFL, também defendendo o Miami Dolphins (2010 a 2013) e os Bills.

Comments
To Top