NFL

Buffalo Bills dispensa o wide receiver Kelvin Benjamin; Andre Holmes também sai

Kelvin Benjamin, wide receiver do Buffalo Bills

(Crédito: Twitter/reprodução)

O Buffalo Bills anunciou nesta terça-feira (4) que está dispensado os wide receivers Kelvin Benjamin e Andre Holmes.

A passagem apagada de Benjamin por Buffalo se encerra de maneira melancólica.

Os Bills adquiriram o wide receiver de 27 anos de idade em uma troca com o Carolina Panthers fechada em outubro de 2017, mandando para o time da Carolina do Norte uma escolha de terceira e uma de sétima rodada do draft de 2018 para ter o wideout.

Contudo, em 18 jogos de temporada regular com a camisa do time, Benjamin fez apenas 39 recepções para 571 jardas e dois touchdowns. Nesta temporada 2018, foram apenas 23 recepções para 354 jardas e um TD em 12 partidas.

Selecionado na primeira rodada do draft de 2014 pelos Panthers, Benjamin estava no último ano de seu contrato de calouro e ia se tornar um free agent irrestrito em março de 2019.

Qualquer time que quiser assumir o restante do contrato de Benjamin teria que arcar com a porção remanescente do salário-base de US$ 8,5 milhões do wideout para esta temporada. Se ele não tiver seus direitos adquiridos por nenhuma equipe, o que é um tanto quanto provável, os Bills terão que pagar a parte remanescente de seu salário garantido.

O Buffalo Bills, que caiu para 4-8 com a derrota neste último final de semana, acabou optando por avaliar seus jovens recebedores nas últimas semanas. Benjamin atuou apenas na faixa de 40% a 58% dos snaps ofensivos nos últimos três jogos depois de atuar em pelo menos 60% de snaps nos primeiros nove jogos da temporada.

Os Bills vêm dando mais espaço para o calouro não draftado Robert Foster, que fez seis recepções para 226 jardas e um touchdown nos últimos três jogos. A organização também trouxe Isaiah McKenzie, selecionado na quinta rodada do draft de 2017, depois de ele ser liberado pelo Denver Broncos no mês passado, e vem dando oportunidades para ele jogar.

Em entrevista no mês passado, Benjamin disse que atingiu o “fundo do poço” nesta temporada, descrevendo o ano de 2018 como o pior de sua carreira de cinco anos na NFL.

Alguns torcedores de Buffalo também criticaram constantemente Benjamin por seu desempenho nas redes sociais, notando também uma possível falta de esforço do wide receiver, algo que ele contestou.

Benjamin afirmou no mês passado que se sentia “bombardeado” e que estava evitando entrar nas redes sociais.

“Eu não posso realmente entrar lá e me divertir com isso mais porque eles tiraram a diversão disso. Apenas sendo bombardeado pelos torcedores e pelas pessoas. É o caminho da nossa vida, eu acho, neste momento”, falou.

Já Holmes, que está com 30 anos de idade, foi usado muito pouco no ataque nos últimos dois anos, depois de assinar um contrato de três anos com os Bills na offseason de 2017. Ele, que vestiu a camisa do Oakland Raiders por quatro temporadas entre 2013 e 2016, lidera os Bills com 70,8% de snaps nos special teams nesta temporada.

Em decisões correspondentes, o cornerback Denzel Rice e o defensive end Mike Love foram promovidos do elenco de treinamento (practice squad).

Também nesta terça, o time colocou o center Russell Bodine na injured reserve depois de ele fraturar a perna durante a derrota para o Miami Dolphins no último domingo.

Comments
To Top