NFL

Buffalo Bills contrata o running back T.J. Yeldon; veja mais transações

T.J. Yeldon, running back da NFL

(Crédito: Twitter/reprodução)

O Buffalo Bills acertou um contrato de dois anos de duração com o running back T.J. Yeldon nesta segunda-feira (22), como anunciou a franquia de maneira oficial.

O jogador, ex-Jacksonville Jaguars, se junta a um backfield que já inclui nomes como LeSean McCoy e Frank Gore.

Os Bills têm se mantido ativos na free agency, acrescentando vários nomes importantes para seu ataque, tais como Gore, os wide receivers John Brown e Cole Beasley, o tight end Tyler Kroft e os offensive linemen Mitch Morse, Spencer Long e Quinton Spain.

A passagem de Yeldon pelos Jags não terminou de maneira boa. Tom Coughlin, vice-presidente executivo de operações de futebol americano da organização, criticou duramente Yeldon e Leonard Fournette pela postura de ambos na lateral do campo durante o último jogo da temporada 2018.

Yeldon estava entre os ativos para o jogo e Fournette não, mas ambos se mostraram desinteressados na partida, que terminou com vitória do Houston Texans por 20 a 3. Após o confronto, Coughlin emitiu um comunicado oficial, dizendo que os running backs foram “desrespeitosos, egoístas e que o comportamento deles não era digno de um jogador de futebol americano profissional”.

Atualmente com 25 anos de idade, Yeldon não fez muito na metade final da temporada passada e correu 23 vezes, além de fazer 18 recepções, nos últimos oito jogos. Ele teve muito mais espaço no ataque do time do técnico Doug Marrone na metade inicial do campeonato, quando foi titular no lugar de Fournette, que estava afastado devido a uma lesão no músculo posterior da coxa.

O Jacksonville Jaguars selecionou T.J. Yeldon na segunda rodada do draft de 2015, com a 36ª escolha geral, e ele liderou os Jags em sua temporada de calouro, somando 740 jardas corridas mesmo perdendo quatro partidas por causa de uma contusão.

Ele encerrou sua passagem por Jacksonville com 51 partidas disputadas na temporada regular, correndo 465 vezes para 1.872 jardas e seis touchdowns, além de fazer 171 recepções para 1.302 jardas e seis TDs.

Confira mais movimentações na NFL nesta segunda (22):

– O Atlanta Falcons acrescentou mais opções à sua secundária defensiva e anunciou nesta segunda que contratou o safety veterano J.J. Wilcox sob contrato de um ano de duração. Os detalhes financeiros do acordo não foram divulgados.

Wilcox entrou na liga em 2013, ao ser selecionado na terceira rodada do draft pelo Dallas Cowboys. Ele passou quatro temporadas na organização do Texas e, posteriormente, jogou no Pittsburgh Steelers em 2017. No ano passado, ele defendeu o Indianapolis Colts e o New York Jets.

Em sua carreira, o defensive back de 28 anos de idade disputou 77 jogos, sendo 39 como titular, e soma 233 tackles combinados, seis interceptações e 16 passes defendidos, além de dois fumbles forçados.

Agora, Wilcox terá que lutar pelo seu espaço nos Falcons, que têm um grande grupo de safeties. Atualmente, a franquia na Geórgia também conta com Ricardo Allen, Keanu Neal, Damontae Kazee, Sharrod Neasman Chris Cooper e Afolabi Laguda.

Em outra grande notícia para os Falcons, o time anunciou na noite desta segunda que o defensive tackle Grady Jarrett assinou sua proposta de franchise tag. Agora, se as duas partes não chegarem a um acordo de extensão de contrato de longa duração até julho, o defensor vai atuar na temporada 2019 sob contrato de um ano com valor pouco superior a US$ 15,209 milhões.

“Como nós dissemos desde o final da temporada, fechar um acordo com Grady é nossa prioridade. Aplicar a franchise tag nele não muda isso de maneira alguma. Nossa meta é que Grady seja uma parte importante de nossos planos por muitos anos e isso nos permite estender nossa janela de negociações”, frisou o general manager Thomas Dimitroff, em março.

Comments
To Top