NFL

David Blough será o QB titular do Detroit Lions neste Thanksgiving; veja boletim

David Blough, quarterback do Detroit Lions

O Detroit Lions terá seu terceiro quarterback em campo nesta quinta-feira (28) de Dia de Ação de Graças. A franquia vai utilizar David Blough como titular para a partida contra o rival Chicago Bears, às 14h30 (de Brasília), na rodada de Thanksgiving.

O time confirmou que Blough será titular no lugar de Jeff Driskel no confronto que abre a semana 13 da temporada 2019 da NFL.

Driskel, que vinha sendo titular na ausência do lesionado Matthew Stafford, vem sofrendo com uma lesão no músculo posterior da coxa e não terá condições de iniciar a partida atrás do center. Apesar disso, Driskel será o reserva de Blough no duelo contra o Chicago.

Jeff Driskel ainda está dolorido, tendo treinado de forma limitada nesta quarta, segundo o técnico Matt Patricia. Oficialmente, ele foi listado como questionável.

Como apuraram Ian Rapoport e Stacey Dales, da ‘NFL Network’, o tight end Logan Thomas será o quarterback de emergência dos Lions caso seja necessário.

O jogo desta quinta será a segunda vez nas últimas quatro semanas que os Bears dão a sorte de pegar os Lions sem Stafford. Driskel foi o QB de Detroit na derrota para Chicago na semana 10, sendo esse o primeiro jogo de três jogos como titular dos Lions até agora.

Até agora na temporada, Driskel acertou 59% de seus passes (62 de 105) para 685 jardas, quatro touchdowns e quatro interceptações, tendo sofrido 11 sacks, sendo seis sofridos na semana passada. O camisa 2 também correu para 151 jardas e um TD.

A partida desta quinta de Dia de Ação de Graças será o primeiro jogo de Blough como titular na NFL. O calouro não-draftado, originário da Universidade de Purdue, iniciou esta temporada como membro do Cleveland Browns. O time de Detroit então o adquiriu no final de agosto e, desta então, ele está no elenco dos Lions.

Em Purdue, Blough atuou em 44 jogos, sendo titular em 36 ao longo de quatro temporadas e liderando o time da universidade em 13 vitórias e 23 derrotas. Ele saiu do futebol americano universitário com 9.734 jardas aéreas, 69 touchdowns e 43 interceptações, anotando mais 13 TDs corridos.

David Blough saiu derrotado no único bowl em que ele foi titular, o Musics City Bowl contra a Universidade de Auburn.

O primeiro desafio deste desconhecido será em rede nacional, no feriado mais importante dos Estados Unidos, com a camisa da equipe que mais tradicionalmente joga no Thanksgiving.

Nada mal esse desafio, não?

E, em outras notícias do DM dos Lions, o defensive end Trey Flowers (concussão), o defensive lineman Da’Shawn Hand (tornozelo), o tight end T.J. Hockenson (ombro) e o cornerback Tracy Walker (joelho) também foram listados como questionáveis ao lado de Driskel. Estão oficialmente descartados para o jogo contra os Bears os cornerbacks Jamal Agnew (tornozelo) e Rashaan Melvin (costelas), além de, é claro, Matthew Stafford (costas/quadril).

Confira mais notícias de lesões e outras transações na NFL nesta quarta (27):

– No Chicago Bears, o wide receiver Taylor Gabriel (concussão), o offensive lineman Bobby Massie (tornozelo), o linebacker Danny Trevathan (cotovelo), os tight ends Ben Braunecker (concussão) e Adam Shaheen (pé), e o cornerback Sherick McManis (virilha) foram todos descartados para o jogo desta quinta contra o Detroit Lions.

– No Dallas Cowboys, o linebacker Leighton Vander Esch (pescoço) e o defensive tackle Antwaun Woods (joelho) foram descartados para o jogo desta quinta contra o Buffalo Bills. O safety Jeff Heath (ombros) foi listado como questionável.

– No Buffalo Bills, o tackle Ty Nsekhe (tornozelo) é o único jogador descartado para o jogo contra o Dallas Cowboys, enquanto que o wide receiver Robert Foster (músculo posterior da coxa) e o center Mitch Morse (mão) foram listados como questionáveis.

– No Atlanta Falcons, Julio Jones pode não estar pronto para jogar neste Dia de Ação de Graças. A franquia listou o wide receiver como questionável para o jogo de quinta à noite contra o arquirrival New Orleans Saints.

Jones sofreu uma lesão no ombro durante a derrota para o Tampa Bay Buccaneers, no último domingo, mas conseguiu voltar ao campo e atuou por 45 snaps ofensivos. O wideout participou de treinos leves nesta quarta, após ser poupado das atividades do início de semana.

O técnico Dan Quinn disse em uma teleconferência que a decisão em relação à condição de Jones será tomada pouco antes do kickoff, dependendo de como o camisa 11 se sentir. O jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, apurou que Jones está otimista de que poderá atuar.

Em outras notícias do departamento médico dos Falcons, o tight end Austin Hooper foi descartado para o duelo desta quinta devido a uma lesão no joelho. E, em uma novidade bem mais positiva, o running back Devonta Freeman, que perdeu dois jogos por causa de uma contusão no pé, está pronto e parece “bem”, segundo Quinn.

– No New Orleans Saints, o guard Andrus Peat (antebraço), o tackle Terron Armstead (tornozelo) e o fullback Zach Line (joelho) foram descartados para a partida contra o Atlanta Falcons. O cornerback Marshon Lattimore (músculo posterior da coxa) foi listado como questionável após treinar de forma limitada durante toda a semana.

– No Philadelphia Eagles, alguns problemas seguem no DM. O técnico Doug Pederson disse mais cedo que os wide receivers Alshon Jeffery (tornozelo) e Nelson Agholor (joelho) iam treinar normalmente nesta quarta. Contudo, acabou que ambos acabaram participando das atividades apenas de maneira limitada.

Jeffery perdeu os últimos dois jogos, enquanto que Agholor ficou fora da derrota para o Seattle Seahawks, no último domingo.

Pederson acrescentou que o right tackle Lane Johnson havia sido liberado para treinar, mas ainda não havia passado completamente pelo protocolo de concussão. Entretanto, o jornalista Mike Garafolo, da ‘NFL Network’, apurou na noite desta quarta que Johnson passou pelo protocolo e está liberado.

O running back Jordan Howard continua a lidar com uma lesão no ombro e ainda não foi liberado para contato. O principal RB dos Eagles perdeu os últimos dois compromissos do time, mas está caminhando na direção certa, como observou Pederson. Ele treinou de forma limitada nesta quarta.

E, por fim, o tight end Zach Ertz não treinou devido a uma lesão no músculo posterior da coxa.

Em uma notícia importante do elenco dos Eagles, a franquia anunciou na noite desta quarta que fechou uma extensão de contrato de cinco anos com o kicker Jake Elliott, que agora tem vínculo com a organização até a temporada 2024 da NFL.

Segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, o acordo tem valor de cerca de US$ 21,8 milhões, com US$ 10,45 milhões garantidos. Assim, agora Elliott é o terceiro kicker mais bem pago da liga em média anual e garantias totais.

Selecionado pelo Cincinnati Bengals na quinta rodada do draft de 2017, Elliott foi rapidamente cortado e logo encontrou os Eagles. Seu field goal de 61 jardas na semana 3 da temporada 2017, chute que foi determinante na vitória do time, iniciou a caminhada dos Eagles até o Super Bowl.

Desde que chegou aos Eagles, Jake Elliott acertou 86,8% de seus field goals e 93% de seus extra points, totalizando 291 pontos. Nesta temporada, o atleta de 24 anos de idade não perdeu um chute sequer de seus 14 FGs chutados.

– No Miami Dolphins, o wide receiver Jakeem Grant, que sofreu uma lesão no tornozelo, está indo para a injured reserve, segundo informações apuradas por Ian Rapoport, da ‘NFL Network’. A temporada 2019 de Grant termina com 19 recepções para 164 jardas e um touchdown corrido.

– O Carolina Panthers anunciou que o defensive tackle Dontari Poe (quadríceps) e o left guard Greg Van Roten (pé) foram colocados na injured reserve após sofrerem lesões neste último domingo. Poe vai passar por cirurgia em seu quadríceps rompido, enquanto que Roten também passará por uma operação em seu dedo do pé deslocado, segundo Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

– No Pittsburgh Steelers, o wide receiver JuJu Smith-Schuster não está mais no protocolo de concussão, após ser liberado por um neurologista independente nesta quarta. Apesar disso, ele continua no relatório de lesionados devido à contusão no joelho e não treinou nesta quarta. O running back James Conner (ombro) e o cornerback Artie Burns (joelho) também não treinaram, enquanto que o left tackle Alejandro Villanueva (ombro) treinou de maneira limitada.

– No Cleveland Browns, o left tackle Greg Robinson está no protocolo de concussão e ficou fora do treinamento desta quarta, dias antes do duelo contra o Pittsburgh Steelers. O offensive lineman se apresentou às instalações do time de Ohio nesta quarta apresentando sintomas de concussão.

Caso Robinson não seja liberado para atuar em Pittsburgh, o time deve utilizar Justin McCray como titular na posição de left tackle. McCray foi titular no lugar de Robinson no dia 27 de outubro, em New England, quando o Greg ficou no banco por uma partida.

– O Tennessee Titans colocou o tight end Delanie Walker na injured reserve nesta quarta devido a uma lesão no tornozelo. Ele lesionou o local e não atua desde a derrota por 16 a 0 para o Denver Broncos, na semana 6.

Walker rompeu os ligamentos do mesmo tornozelo em 2018, o que resultou nele sendo colocado na IR.

Delanie Walker fecha a temporada com 21 recepções para 215 jardas e dois touchdowns. Esses dois TDs foram na estreia dos Titans no campeonato.

Em decisão correspondente, os Titans fecharam com o kicker Ryan Santoso para o elenco de 53 jogadores e o time pretende manter dois K no grupo antes do jogo deste domingo contra o Jacksonville Jaguars, já que a equipe também conta com Ryan Succop.

– No Kansas City Chiefs, o wide receiver Tyreek Hill (músculo posterior da coxa) e o defensive end Alex Okafor (tornozelo) treinaram nesta quarta, segundo o técnico Andy Reid. O running back Damien Williams (costelas) não treinou.

– No Indianapolis Colts, o wide receiver T.Y. Hilton (panturrilha) treinou de forma limitada nesta quarta e o time vai ver como ele progride a partir daí, segundo o head coach Frank Reich. O wide receiver Devin Funchess (ombro), que está na injured reserve desde a semana 2, não vai jogar nesta semana e o time tem até o dia 4 de dezembro para tomar uma decisão em relação a ele voltar ainda nesta temporada ou não.

– No New York Giants, o linebacker Kareem Martin (joelho) foi designado para voltar da injured reserve, como anunciou o time. Martin foi colocado na IR após a semana 1.

Também na franquia nova-iorquina, o wide receiver Golden Tate (concussão), o safety Jabrill Peppers (costas) e o tight end Evan Engram (pé) não treinaram nesta quarta.

– No Denver Broncos, o linebacker Von Miller (joelho) não treinou nesta quarta, mas as coisas parecem bem com ele, segundo o técnico Vic Fangio. Em relação ao quarterback Drew Lock, o head coach frisou que as repetições dele nos treinos vão crescer “extensivamente” nesta semana, enquanto a franquia do Colorado decide quem será seu QB titular contra o Los Angeles Chargers.

– No Baltimore Ravens, com o center Matt Skura fora do restante da temporada devido a uma lesão no joelho, a equipe contratou o center Jake Brendel, como apurou Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

– No San Francisco 49ers, o left tackle Joe Staley (dedo), o defensive end Dee Ford (músculo posterior da coxa) e o tight end George Kittle (joelho/tornozelo) não treinaram nesta quarta, enquanto que o running back Matt Breida (tornozelo) retornou aos treinos de maneira limitada. O kicker Robbie Gould (quadríceps) foi liberado para treinar, mas ainda tem que ser ativado da injured reserve.

– O Green Bay Packers trouxe o offensive tackle Jared Veldheer, que chegou a se aposentar e retornou ao futebol americano, segundo o jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’. Veldheer vai servir como plano de segurança enquanto o tackle Bryan Bulaga está afastado por lesão.

Também nos Packers, o tight end Jimmy Graham (panturrilha) não treinou nesta quarta, enquanto que o wide receiver Davante Adams (dedo do pé) treinou de forma limitada.

– No New England Patriots, oito jogadores não participaram do treino desta quarta devido a uma virose que atingiu o vestiário, segundo o relatório de lesionados divulgado pela franquia. Entre os jogadores mais chamativos deste grupo estão: o tackle Isaiah Wynn, o linebacker Jamie Collins, o cornerback Stephon Gilmore, o linebacker D’Onta Hightower, o tight end Ryan Izzo e o safety Patrick Chung.

O jornalista Mike Giardi, da ‘NFL Network’, afirmou que o vírus da gripe está circulando no vestiário dos Pats.

– No New York Jets, o offensive lineman Chuma Edoga (joelho) e o linebacker C.J. Mosley (virilha) não treinaram nesta quarta.

– No Los Angeles Chargers, o wide receiver Mike Williams treinou de forma limitada nesta quarta por causa de uma contusão no joelho.

Comments
To Top