NFL

Ben McAdoo pode ser demitido pelo New York Giants já nesta segunda

Ben McAdoo, técnico do New York Giants

(Crédito: Twitter/reprodução)

O trabalho de dois anos de Ben McAdoo como técnico do New York Giants está chegando ao fim. O head coach pode ser demitido nas 24h após o jogo deste domingo (3) contra o Oakland Raiders.

A informação foi apurada pelos jornalistas Chris Mortensen e Adam Schefter, da ‘ESPN’ norte-americana.

A permanência do general manager Jerry Reese também é bastante incerta, segundo fontes consultadas pela ‘ESPN’, mas o momento de sua potencial saída do cargo é mais incerto.

Caso McAdoo seja mesmo demitido nas próximas horas, a decisão se daria menos de uma semana depois da decisão de mandar o quarterback titular Eli Manning para o banco de reservas. A mudança agora está sendo considerada a gota d’água dentro da franquia.

John Mara, proprietário dos Giants, tem muito carinho por Manning e o executivo sente que a decisão de mandar o astro para o banco em troca por Geno Smith deixou ainda mais evidente a dificuldade de comunicação de McAdoo em seu tempo como técnico principal.

McAdoo assumiu a responsabilidade pela decepção de Eli Manning ao ser informado da mudança, mas ficou infeliz com a maneira como McAdoo apresentou o planejamento para o quarterback, que foi duas vezes eleito MVP do Super Bowl com a camisa dos Giants.

A decisão de mandar Manning para o banco de reservas foi recebida com surpresa e insatisfação ao redor da NFL, com vários jogadores, entre eles os quarterbacks Philip Rivers, do Los Angeles Chargers, e Tom Brady, do New England Patriots, expressando decepção.

Além dos problemas de comunicação, o ataque dos Giants demonstrou muita falta de produção e criatividade nesta temporada 2017, o que também é um fator a ser considerado em meio à iminente decisão de desligar McAdoo do cargo.

O New York Giants também tem preocupações em relação ao clima dentro do elenco. Dois cornerbacks (Dominique Rodgers-Cromartie e Janoris Jenkins) foram suspensos durante a temporada e outro cornerback, Eli Apple, foi questionado em uma defesa que também mostrou muito pouco no ano.

Recentemente, após a decisão de mandar Eli Manning para o banco, Mara declarou que o cargo de Ben McAdoo não estava seguro.

“Não há garantias na vida”, observou o coproprietário nesta última semana.

Contatado pela ‘ESPN’ na noite deste sábado (2), um oficial dos Giants não confirmou e nem negou que a demissão de McAdoo pode ser iminente.

Após enfrentar os Raiders neste domingo, os Giants têm três dos quatro jogos finais em casa. Todos esses confrontos no MetLife Stadium serão contra rivais da divisão NFC East: Dallas Cowboys (10 de dezembro), Philadelphia Eagles (17 de dezembro) e Washington Redskins (31 de dezembro).

Uma fonte disse à ‘ESPN’ que “é possível” que os Giants atuem no próximo jogo em casa com um head coach diferente.

O New York Giants não demite um técnico durante a temporada desde 1976, quando eles demitiram Bill Arnsparger depois de um início de temporada 0-7.

Com a demissão de McAdoo, será a segunda vez que os Giants demitem um técnico após duas temporadas no cargo. Ray Handley teve 14 vitórias e 18 derrotas antes de a franquia demiti-lo depois da temporada 1992. McAdoo soma 13 vitórias e 15 derrotas antes do jogo deste domingo contra os Raiders.

A demissão de McAdoo seria a primeira na atual temporada para um head coach, mas dificilmente será a última. Executivos da NFL acreditam que pode haver de oito a 10 mudanças de técnicos neste ano, o que seria um pouco acima da média normal para uma temporada.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top