NFL

Arizona Cardinals revela memorial para Pat Tillman

Crédito: wikipedia/reprodução

Crédito: wikipedia/reprodução

Esse é o 14º aniversário do ataque ao World Trade Center no dia 11 de setembro. O Arizona Cardinals revelou um memorial para Pat Tillman, ex-jogador de futebol americano que decidiu se alistar no exército após o ataque.

Tillman jogou pelos Cardinals durante quatro anos, entre 1998 e 2001. A franquia do Arizona guardou o armário do ex-atleta durante a renovação do vestiário e o preservou com vidros na nova instalação. A renovação fez parte de um investimento de 15 milhões, que envolveram o vestiário, o refeitório, a área de hidroterapia e as salas de reuniões.

Junto com o armário de Tillman estão seu capacete, camisa, ombreiras e cartão do draft a partir de 1998. Ao lado do armário tem uma descrição sobre a vida e a carreira de Tillman.

“Muitos de nossos jogadores, futuros jogadores e, até mesmo, os nossos jogadores atuais, podem não saber todas as histórias dos Cardinals”, disse Michael Bidwill, presidente dos Cardinals, antes de um tour nas novas instalações. “Mas nós quisemos contar as histórias e falar sobre a história, a história da nossa organização, a história de Pat Tillman e tudo o que ela significa, para a comunidade e para os nossos fãs, assim como para toda a nação”.

Tillman foi morto no Afeganistão no dia 22 de abril de 2004 por fogo amigo, de acordo com uma investigação do exército sobre sua morte. Primeiramente, foi relatado que ele faleceu por fogo inimigo. Em maio de 2002, ele se alistou com seu irmão Kevin.

Comments
To Top