NFL

Aqib Talib e Michael Crabtree são suspensos por dois jogos após briga

Aqib Talib, cornerback do Denver Broncos, e Michael Crabtree, wide receiver do Oakland Raiders

(Crédito: montagem sobre fotos de Twitter)

O cornerback Aqib Talib, do Denver Broncos, e o wide receiver Michael Crabtree, do Oakland Raiders, foram suspensos por dois jogos pela National Football League nesta segunda-feira (27). Ambos se envolveram em um confronto físico no último domingo que levou ambos a serem ejetados da partida.

Tanto Talib quanto Crabtree vão apelar de suas suspensões de dois jogos, segundo informações do jornalista Ian Rapoport, da ‘NFL Network’.

O defensor dos Broncos e o recebedor dos Raiders foram expulsos no primeiro quarto da vitória de Oakland por 21 a 14, depois de entrarem em uma briga dentro de campo.

Chris Harris, cornerback dos Broncos, alega que Crabtree desferiu um soco quando ele estava desprevenido na jogada antes de Crabtree e Talib começarem a brigar e tomarem faltas por força desnecessária (unnecessary roughness). Durante o incidente, o guard Gabe Jackson, dos Raiders, também foi expulso por fazer contato físico com um árbitro.

Foi o segundo ano consecutivo em que Talib e Crabtree entraram em confronto dentro do jogo. Em ambas as ocasiões, o defensive back dos Broncos puxou a corrente de outro de Crabtree.

A briga deste domingo, contudo, foi mais intensa do que no ano passado. Os dois se atracaram e acabaram inclusive derrubando pessoas que estavam na lateral do campo antes de ambos serem contidos por jogadores de Denver. Após ambos serem separados por alguns instantes, eles se afastaram dos companheiros e deram socos um no outro.

Aqib Talib disse que não estava tentando retaliar o defender Chris Harris pelo que teria acontecido uma jogada antes.

“Se você ver a jogada, eu não defendi Chris. Ele bateu em Chris, na jogada seguinte ele veio (e) me deu um soco. Então, quero dizer, ele estava fazendo o que quer que estivesse. Eu nem estava defendendo Chris desta vez, não foi um problema.”, frisou Talib.

Em sua carta notificando Crabtree da suspensão, Jon Runyan, vice-presidente de operações da NFL, escreveu o seguinte:

“A série de violações flagrantes pelas quais você está sendo disciplinado começaram com 12:31 remanescentes no primeiro quarto – menos de três minutos após o começo do jogo. Primeiramente, você deu um soco no oponente dos Broncos Chris Harris no abdômen, resultando nele sendo removido do jogo. Então, na jogada seguinte, você bloqueou um oponente diferente dos Broncos (Aqib Talib) nas laterais do campo além da borda amarela de mídia, bem depois que a jogada tinha terminado. Suas ações desencadearam uma briga e colocou em perigo vários funcionários nas laterais e da liga, incluindo um dos nossos árbitros de jogo que se machucou ao tentar manter o controle da situação. Finalmente, durante a briga que se seguiu, você agarrou e torceu a máscara do capacete do mesmo oponente e deu um soco nele… Tais ações não têm lugar neste esporte, geram ódio entre os times, e levam a novos confrontos.”

Já em sua carta a Talib, Runyan escreveu:

“A série de violações flagrantes pelas quais você está sendo disciplinado começaram com menos de três minutos de jogo. Primeiramente, enquanto competia no campo de jogo, você deliberadamente arrancou a corrente de seu oponente do pescoço dele, assim como você fez no ano passado quando jogou contra ele. Então, quando dois de vocês foram ao chão após a jogada seguinte, você agressivamente arrancou o capacete dele e o jogou em sua direção, colocando-o em perigo e vários funcionários nas laterais que estavam nas imediações. Finalmente, uma vez que você foi momentaneamente separado de seu oponente, você novamente foi até ele e desferiu um soco. (…) Tais ações não têm lugar neste esporte, geram ódio entre os times, e levam a novos confrontos.”

O técnico Jack Del Rio, dos Raiders, disse aos jornalistas na tarde desta segunda que esperava que Crabtree não fosse suspenso.

“Baseado no que eu vi, eu não acho que haveria esse tipo de reação”, observou o head coach.

Crabtree vai perder os jogos contra o New York Giants e contra o Kansas City Chiefs, enquanto que Talib perderá as partidas contra Miami Dolphins e New York Jets.

Ambos estarão elegíveis para retornar aos elencos ativos de seus times no dia 11 de dezembro.

Comments
To Top