NFL

Apresentado nos Jets, Adam Gase se diz animado para treinar Sam Darnold

Adam Gase, head coach do New York Jets

(Crédito: Twitter/reprodução)

Adam Gase deixou o Miami Dolphins sem deixar muita saudade e agora terá uma segunda oportunidade como head coach no New York Jets. Conhecido por ser bom em trabalhar com quarterbacks, o treinador de 40 anos chega com o objetivo de desenvolver Sam Darnold.

“A maioria das coisas que eu jpa vi foi seus vídeos como jogador profissional. Obviamente, eu me preparei para dois jogos contra ele e isso foi um ponto de início. Ele era um daqueles caras que realmente pensávamos que seria (profissional) mesmo antes de ser selecionado (no draft). Nós focamos em um par de outros caras que acreditamos que podem estar nos 11 (titulares)”, declarou em sua apresentação.

“Tive a possibilidade, especialmente nos últimos dias, de ver o máximo de vídeos dele que eu pude o começar a olhar coisas que eu gostei e outra que podemos trabalhar. Realmente (as coisas) irão começar com ele. Essa é uma declaração óbvia. Estou animado porque essa é a primeira vez que poderei ter um cara tão jovem, em um ponto tão cedo da carreira. Estamos indo para o segundo ano e ele tem fomo por conhecimento. Ele quer ser treinado, o que, quando você tem esse tipo de jogador com seus traços atléticos, é animador para mim”, completou.

Em três temporadas nos Dolphins, Gase encontrou problemas com as lesões de Ryan Tannehill. Em seu currículo, ele tem trabalhos como quarterbacks experientes como Peyton Manning e Jay Cutler, mas agora encontra um novo desafio: Sam Darnold, o principal atrativo dos Jets. Apesar de ter sofrido no início de 2018, ele terminou o ano com 57,7% dos passes completos para 2.865 jardas, 17 touchdowns e 15 interceptações, sendo apenas uma interceptação nos últimos quatro jogos.

Comments
To Top