NFL

Após ser preso no ano passado, Nigel Bradham aceita acordo com a Justiça

Nigel Bradham, linebacker do Philadelphia Eagles

(Crédito: divulgação)

O linebacker Nigel Bradham, do Philadelphia Eagles, aceitou um acordo na Justiça em relação à acusação de crime de agressão derivada de um caso ocorrido em 2016, segundo registros oficiais, e isso deixa o assunto fora dos tribunais, podendo evitar que o atleta pegue tempo de prisão se as condições do programa forem cumpridas.

Bradham foi preso pouco antes do training camp, em julho do ano passado, após um incidente no Hilton Bentley Miami, localizado na badalada South Beach. O atleta foi acusado de agredir um funcionário do hotel, causando uma fratura no nariz do empregado.

O linebacker foi indiciado por agressão agravada, um crime de segundo grau no estado. A data do julgamento foi adiada várias vezes e, mais recentemente, a aparição do atleta na corte estava agendada para esta semana.

Vale frisar que o camisa 53 também enfrenta uma acusação relacionada à arma de fogo derivada de um incidente separado, quando ele foi pego carregando uma arma em um aeroporto de Miami. Documentos mostram que há uma audiência desse caso agendada para o dia 24 de julho.

Na temporada 2016, sua primeira vestindo a camisa dos Eagles, Bradham somou 102 tackles combinados, dois sacks, uma interceptação, dois fumbles forçados e cinco passes desviados em 16 jogos como titular. Durante seus primeiros quatro anos na NFL, o defensor jogou pelo Buffalo Bills, time que o selecionou na quarta rodada do draft de 2012 (105ª escolha geral).

Comments
To Top