NFL

Apesar de declarações recentes, relação entre Zimmer e Peterson segue boa; veja manchetes de NFL

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– Apesar de fortes declarações feitas pelo técnico do Minnesota Vikings nesta última semana, relacionamento entre Mike Zimmer e Adrian Peterson continua boa, segundo informações da ESPN norte-americana: segundo a notícia, “parece que Peterson e Zimmer conversaram nesta semana e esclareceram as coisas depois das declarações do treinador”; comandante dos Vikings afirmou recentemente que Peterson “pode jogar nos Vikings ou então não jogar em lugar algum”.

– Atlanta Falcons acerta a chegada do offensive guard Chris Chester, que assinou contrato de um ano de duração: atualmente com 32 anos de idade, Chester foi dispensado pelo Washington Redskins recentemente, após atuar em 64 jogos consecutivos no time da capital americana; a nova contratação chega para ocupar a vaga no elenco deixada por Prince Shembo, dispensado na última sexta (29) após notícias de crueldades com animais.

– Buffalo Bills corta Jeff Tuel e traz Matt Simms, cortado recentemente pelo New York Jets: time nova-iorquino trocou de quarterbacks e Simms chega para brigar por uma vaga no elenco.

– Linebacker Kiko Alonso, atualmente no Philadelphia Eagles, parece estar recuperado e disse que pôde fazer “tudo” nas OTAs da equipe, nesta semana: “eu, honestamente, não imaginava que estaria fazendo tudo isso. Eu só estava vendo como estava me sentindo, e estou realmente bem”, declarou Alonso, ao jornal Philadelphia Inquirer.

– Steve Smith, veterano recebedor do Baltimore Ravens, elogia o novato wide receiver DeAndre Carter, que não foi draftado: “gosto que ele esteja faminto. Eu amo a atitude dele. Vejo um Randall Cobb jovem nele”, falou Steve Smith, traçando uma comparação do calouro com o recebedor do Green Bay Packers.

– Rod Marinelli, coordenador defensivo do Dallas Cowboys, vê o linebacker Sean Lee retornando bem após se recuperar do rompimento no ligamento sofrido no ano passado: “ele é uma bola de energia e empolgação e isso representa quem somos. Ele está se movimentando bem. Estamos somente sendo espertos enquanto preparamos ele. Mas ele tem realizado muito trabalho bem feito”, disse Marinelli.

– Após saída de Reggie Bush, Joique Bell se recusa a assumir que é o running back titular do Detroit Lions: “acho que isso é algo que você tem que conversar com o técnico (Jim) Caldwell. Ele sabe a ordem de elenco mais do que eu. Eu não posso dar falsas (estimativas) neste momento”, disse o corredor, que fez 223 corridas na temporada 2014.

– Técnico John Harbaugh, do Baltimore Ravens, rasga elogios ao veterano quarterback Joe Flacco: “Joe Flacco é um grande jogador. Ele só vai ficar melhor. Acho que ele está acertando seu passo, atingindo o auge de sua carreira, e eu não desejaria nenhum outro quarterback da National Football League. Ponto final. Fim de papo. Então, escreva isso e vamos encerrar, porque essa é a última vez que quero ouvir isso. Esse cara é um superstar na National Football League e estou empolgado em tê-lo aqui. Mal posso esperar para ver o que ele vai fazer neste ano, com todos esses jovens talentos ao redor dele”, declarou o treinador.

– Running back Jeremy Hill, do Cincinnati Bengals, espera um ataque equilibrado da equipe na próxima temporada, já que ele e Giovani Bernard devem se revezar no backfield: “obviamente vai haver um ataque balanceado. Não acho que ele (Hue Jackson, coordenador ofensivo) vai gastar um de nós, então desta forma conseguiremos ir bem durante os 16 jogos para chegar aos playoffs”, frisou o corredor, segundo a ESPN norte-americana.

Comments
To Top