NFL

Aos 40 anos, Matt Hasselbeck é “perseguido” pela NFL

(Crédito: Instagram/reprodução)

(Crédito: Instagram/reprodução)

Será que os jogadores mais experientes, isso quer dizer com um pouco mais idade, do Indianapolis Colts são perseguidos para fazer exame antidoping?

Pode parecer piada, contudo a pergunta surgiu após o quarterback Matt Hasselbeck (40 anos) publicar no Twitter uma frase que pode ser vista com muita ironia.

“Testes antidoping aleatórios”, escreveu no Twitter.

Essa é a realidade do quarterback que está 4-0 na temporada, pode levar a sua equipe para os playoffs e está com 65% de porcentagem de conclusão de passes. Essa vida também é conhecida por outro veterano que é uma estrela dos Colts. Voltando para janeiro de 2015, durante os playoffs, Adam Vinatieri, kicker dos Colts que tem 42 anos, foi chamado para fazer o exame após acertar um chute de 53 jardas, o mais longo chute de pós-temporada da história da franquia. “Quando se está mais para 60 anos do que 20 e acerta um chute de 53 jardas, esse é o tipo de coisa que se espera”, escreveu ele no Twitter na época.


Outros jogadores da franquia de Indianapolis que podem ficar espertos são:

Andre Johnson (wideout), Robert Mathis (outside linebacker). Mike Adams (sefety), Charlie Whitehurst (quarterback), Trent Cole (otside linebacker) e Todd Herremans (guard), sendo que os três primeiros têm 34 anos e os três últimos, 33 anos.

Comments
To Top