NFL

Ao se aposentar, Calvin Johnson reembolsou Lions em, pelo menos, US$ 1 milhão; veja as manchetes da quarta

Calvin Johnson, ex-wide receiver do Detroit Lions

(Crédito: Detroit Lions/divulgação)

No Huddle – O boletim de notícias de NFL do Quinto Quarto

– O ex-wide receiver Calvin Johnson reembolsou, pelo menos, US$ 1 milhões de seu bônus de assinatura ao Detroit Lions quando se aposentou em março de 2016 – valor muito superior aos US$ 320 mil registrados pela NFLPA na época –, de acordo com o ‘Detroit Free Press’.

Citando uma fonte que conhece a situação, a ‘Detroit Free Press’ noticiou que Johnson fez uma devolução de sete dígitos aos Lions. No momento da aposentadoria, a franquia de Michigan poderia ter recuperado até US$ 3,2 milhões, de acordo com o acordo trabalhista.

– Apesar de não significar que um contrato será assinado, o tom das negociações entre Washington Redskins e o quarterback Kirk Cousins melhoraram, disseram fontes. Um dos motivos seria que o proprietário Daniel Snyder se envolveu na negociação de extensão. “Não há dúvida (que as conversas) têm sido muito mais positivas”, disse uma fonte.

– Senquez Golson, cornerback do Pittsburgh Steelers, se disse satisfeito que o incidente no aeroporto (ele estava com uma arma descarregada e munição da bagagem) não ter sido pior, principalmente porque alguns estados americanos estão prendendo pessoas por porte de arma em aeroportos. “Eles me disseram que isso era legal no Alabama. Foi uma bênção”, disse ele.

– Menos de um mês atrás, Bruce Arians, treinador do Arizona Cardinals, afirmou que John Brown voltou a ser ele mesmo, contudo, nesta quarta-feira, foi noticiado que o wide receiver está com uma lesão na parte posterior da coxa. O lado bom é que, aparentemente, este é um problema pequeno.

– Os Cardinals irão jogar em Londres neste ano e o treinador Bruce Arians não está preocupado com os ataques terroristas no Reino Unido. “Sempre que você está apreensivo e deixa o Isis ou qualquer outro, mudar seu pensamento e o que você faz, eles estão vencendo. Nós iremos e faremos tudo o que pudermos para ter um bom show”.

– O treinador Doug Marrone vem sendo extremamente honesto desde que chegou ao Jacksonville Jaguars e o linebacker Paul Posluszny elogiou isso. “Eu acho que a maneira como o head coach Marrone está fazendo as coisas é exatamente o que precisamos”.

– Peyton Manning irá assessorar a fabricante de capacetes Ridell no desenvolvimento de produtos e ele também será o primeiro embaixador da marca. Manning utilizava capacetes e protetores da Riddell quando jogava.

– Apesar dos drops serem um problema em sua carreira, Nelson Agholor, wide receiver do Philadelphia Eagles, disse que não está preocupado com isso nas OTAs. “Eu realmente não me preocupo com isso quando eu vou treinar. Tudo o que me preocupa é fazer minhas jogadas e me concentrar para fazer cada oportunidade contar”.

– Dwayne Allen, tight end do New England Patriots, jogou a bola para o alto durante o treinamento após marcar um touchdown e ele descreveu o ato como uma forma de liberar sua frustração. “É sempre frustrante quando você não faz o seu melhor, quando você não atua no padrão daqui”, disse ele.

– Marcus Mariota, quarterback do Tennessee Titans, contou que nunca bebeu. “Tivemos muita sorte na minha última temporada. Acabamos vencendo. Foi engraçado que me enviaram mensagens perguntando: ‘por que você não está bebendo cerveja?’”, contou. “Eu nunca bebi um gole de álcool”.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top