NFL

Andrew Luck passa por cirurgia no ombro e deve perder atividades da offseason

Andrew Luck, quarterback do Indianapolis Colts

(Crédito: Twitter/reprodução)

O quarterback Andrew Luck, do Indianapolis Colts, passou por cirurgia nesta quinta-feira (19) para reparar uma lesão no ombro direito que vinha incomodando o atleta desde 2015. Jim Irsay, proprietário da franquia de Indiana, deu a notícia via Twitter e deixou claro que o procedimento não vai afetar a disponibilidade do camisa 12 para a temporada 2017 da National Football League.

“Andrew está se recuperando de cirurgia ambulatorial bem-sucedida para corrigir lesão no ombro direito que estava o incomodando desde 2015. Estará pronto para a temporada!”, escreveu o executivo na rede social.

De acordo com informações de Ian Rapoport, do ‘NFL.com’, o cronograma de reabilitação do quarterback vai impedi-lo de lançar bolas por três meses e, no total, vai ser preciso seis meses para uma recuperação total. Assim, uma recuperação completa deve acontecer até o meio de julho, antes do início do training camp.

O problema no ombro de Luck foi motivo de preocupação durante a temporada 2016 e o signal caller constantemente apareceu no relatório de lesões dos Colts devido à lesão. Mesmo assim, tanto o próprio jogador quanto o técnico Chuck Pagano minimizaram a contusão em várias oportunidades durante o campeonato.

Mesmo listado no relatório de lesões em várias ocasiões e tendo participado de maneira limitada de vários treinamentos, Andrew Luck só perdeu uma partida na temporada, na semna 12, contra o Pittsburgh Steelers, e foi devido a uma concussão.

Em dezembro, Jim Irsay disse a Ian Rapoport que Luck não precisaria passar por cirurgia e, no começo de janeiro, o próprio quarterback disse que não achava que uma operação fosse necessária. Semanas depois, ele realizou a cirurgia.

Depois de perder dois jogos em 2015 por causa da contusão, Luck agravou o problema no ombro quando tentou fazer um tackle depois de lançar uma interceptação na semana 2, em confronto contra o Denver Broncos.

Em 2016, Andrew Luck acertou 63,5% de seus passes para 4.240 jardas, 31 touchdowns e 13 interceptações, tendo um dos melhores desempenhos de sua carreira profissional.

Um dos maiores problemas dos Colts nos últimos anos foi a linha ofensiva, que permitiu que Andrew Luck sofresse muitos sacks e tomasse várias pancadas, o que com certeza contribuiu para suas lesões. E, depois de ficar fora dos playoffs pela segunda temporada consecutiva, novamente com campanha de 8-8, a organização precisa corrigir esse setor se quiser ter sucesso.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top