NFL

Andrew Luck: cirurgia no ombro é originária de lesão sofrida em 2015

Andrew Luck, quarterback do Indianapolis Colts

(Crédito: Twitter/reprodução)

Andrew Luck revelou nesta segunda-feira (17), durante uma sessão com jornalistas, que a cirurgia no ombro pela qual passou em janeiro é derivada de uma lesão sofrida ainda na temporada 2015. Ou seja, o quarterback do Indianapolis Colts vinha lidando com dores no local há um bom tempo.

“Originalmente ocorreu há alguns anos contra (Tennessee)”, declarou o camisa 12, referindo-se ao embate contra os Titans, há dois anos. “Nós meio que nos sentamos após aquele ano e sentimos que reabilitação (na offseason passada) era o caminho a percorrer. Penso que foi (a) decisão absolutamente correta, nós fizemos algumas coisas incríveis. Este ano aconteceu obviamente e transpareceu ao longo do ano, e sentamos depois deste ano e decidimos que talvez fosse a hora de fazer a cirurgia (no ombro)”, prosseguiu.

Falando com a imprensa durante o primeiro dia de atividades voluntárias de offseason dos Colts, o signal caller deixou claro que o recente procedimento cirúrgico foi “absolutamente” sua decisão depois que ele e o time “foram e receberam um monte de opiniões realmente boas de um monte de médicos realmente bons ao redor do país”.

“Eu não tenho arrependimentos de ter passado pela cirurgia. Obviamente, há sempre a incerteza, como qualquer coisa, mas eu confio plenamente quando os médicos dizem que estou 100 por cento, que eu ficarei 100 por cento sem dúvidas”, analisou.

Claramente Andrew Luck não estava totalmente bem na temporada 2016, quando ele estava com o ombro ‘baleado’ e ainda sofreu uma lesão no polegar. Agora, a esperança do Indianapolis Colts é que seu líder de ataque esteja completamente saudável na semana 1 da temporada 2017, após dois anos de problemas físicos.

“Estou no dia 1 do programa oficial de offseason, e estou onde (os preparadores), médicos e treinadores dizem que estou. Essa é, honestamente, a abordagem que tomei. Em relação ao cronograma (…) eu só preciso estar assim neste momento, não vou me preocupar com isso. Eu tenho total confiança nos caras que estão me ajudando. Quando sentirmos que estou pronto, então estarei pronto”, finalizou Luck.

A cirurgia no ombro direito de Andrew Luck deve deixá-lo de fora da maioria do programa de offseason de nove semanas de duração dos Colts. E nem Luck, nem o técnico Chuck Pagano e nem o general manager Chris Ballard sabem dizer ao certo quando o QB estará 100%.

Enquanto Luck não volta, o reserva Scott Tolzien vai trabalhar com o time titular.

Mesmo com a contusão, Andrew Luck teve um bom desempenho em termos gerais no ano passado e acertou 63,5% de seus passes (maior marca da carreira) para 4.240 jardas, 31 touchdowns e 13 interceptações em 15 jogos.

Comments
NFL, NBA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: [email protected]
Copyright © 2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18


Jogue com responsabilidade


To Top