NFL

Andre Johnson se aposenta como membro do Houston Texans

Andre Johnson, wide receiver aposentado

(Crédito: Instagram/reprodução)

Andre Johnson concedeu sua entrevista coletiva de aposentadoria nesta quarta-feira (19), no NRG Stadium, na presença de vários ex e atuais jogadores do Houston Texans, amigos, familiares e outros membros da organização texana. E, depois de assinar um contrato de um dia para poder pendurar as chuteiras na equipe em que se consagrou, ele falou de maneira emocionante.

Agradecendo a todos que o ajudaram na vida, o ex-recebedor não conseguiu conter a emoção enquanto falava de sua mãe, que estava presente na plateia, mencionando as dificuldades pelas quais passou na infância como um combustível que o impulsionou dentro dos campos de futebol americano.

“Muitas pessoas não sabem, mas eu joguei futebol americano (…) joguei o jogo com muita raiva. E a razão pela qual eu joguei desta maneira foi simplesmente por causa da maneira como eu cresci. Eu nunca quis voltar a viver esse estilo de vida novamente”, declarou.

Atualmente com 35 anos de idade, Johnson relembrou como a mãe trabalhava duro e os sacrifícios que ela fez por ele quando ele era jovem. O ex-wide receiver referiu-se a partes de sua infância em Miami como “um momento difícil que vivenciamos como família”, já que ele cresceu sem ter um relacionamento de verdade com seu pai.

Ele então agradeceu então ao seu tio Andre, a quem chamou de figura paterna.

“Desde que eu era criança, eu não tinha nenhuma figura de homem a quem recorrer e você esteve lá comigo em cada passo do caminho. Eu agradeço pelos seus conselhos. Agradeço pelo amor. Mesmo em momentos nos quais eu sentia que não tinha ninguém com quem conversar, eu sempre pude chamá-lo. Por isso sou muito grato a você. E eu te amo”, falou.

Andre Johnson, ex-wide receiver do Houston Texans

(Crédito: Twitter/reprodução)

Andre Johnson, que foi sete vezes selecionado para o Pro Bowl, atuou por 12 temporadas no Houston Texans (2003 a 2014), depois de ser selecionado pelos texanos com a terceira escolha geral do draft de 2003. Antes de se aposentar, ele ainda defendeu o Indianapolis Colts, em 2015, e jogou meia temporada no ano passado com a camisa do Tennessee Titans.

Ele é o líder de todos os tempos dos Texans em recepções (1.012), jardas recebidas (13.597), recepções para touchdown (64) e jogos de 100 ou mais jardas recebidas (51).

Johnson disse que um de seus maiores arrependimentos é não ter vencido um Super Bowl em Houston e ele pediu aos jogadores presentes na coletiva que vençam um, para que ele possa ter um anel também.

O lendário camisa 80 fecha sua carreira com 1.062 recepções para 14.185 jardas e 70 touchdowns. Essas duas primeiras estatísticas o deixam na 11ª posição na história da NFL.

Andre Johnson é um de apenas três jogadores na história moderna da National Football League a liderar a liga em recepções em duas temporadas consecutivas (2008 e 2009). E nenhum outro atleta na história tem mais jogos na carreira com 10 ou mais recepções e 100 ou mais jardas recebidas do que os 21 que Johnson teve em sua trajetória profissional.

Todos esses números que aparecem no texto serão suficientes para uma entrada no Hall da Fama daqui a cinco anos, quando ele estará elegível? Ele próprio não faz questão de pensar muito nisso por enquanto.

“As pessoas mencionaram isso para mim, mas eu não pensei no que vai acontecer daqui a cinco anos. Mas, se isso acontecer, será um momento emocionante”, finalizou.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popular

NFL, NBA MMA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: contact@quintoquartobr.com
Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top