NFL

Acusações por crime de drogas contra safety T.J. Ward são retiradas

T.J. Ward, safety da NFL

(Crédito: Twitter/reprodução)

As acusações relacionadas a drogas contra o safety T.J. Ward, que foi detido em outubro de 2017 por posse de maconha, foram retiradas, de acordo com os registros do tribunal do Condado de Hillsborough.

Ward, que atualmente é um free agent e estava no Tampa Bay Buccaneers na época da prisão, foi indiciado sob acusações de posse maconha e posse de parafernália para uso de drogas.

Ele então voltou a ser preso em janeiro deste ano em um mandado de prisão por falhar a comparecer ao tribunal.

A polícia encontrou dois grandes frascos de vidro transparente contendo 99,9 gramas de maconha no apartamento de Ward enquanto respondia a um chamado por invasão. Posse de maconha acima de 20 gramas é considerado crime na Flórida. Já a acusação de posse de parafernália é um delito.

Ciera Woody, namorada de Ward, originalmente disse à polícia que era maconha medicinal.

T.J. Ward já foi três vezes selecionado ao Pro Bowl durante sua carreira profissional até agora e segue sem encontrar um novo empregador nesta offseason.

Ele foi dispensado pelo Denver Broncos em setembro de 2017 e então assinou um contrato de um ano de duração com o Tampa Bay Buccaneers, com valor de US$ 5 milhões.

Selecionado pelo Cleveland Browns na segunda rodada do draft de 2010, com a 38ª escolha geral, ele atuou na franquia de Ohio até 2013 e depois defendeu os Broncos de 2014 a 2016, antes de chegar aos Bucs em 2017.

Em 107 partidas de temporadas regulares na carreira até agora, T.J. Ward soma oito interceptações (uma retornada para touchdown), 45 passes desviados, 10 fumbles forçados e 607 tackles combinados, além de 8,5 sacks.

Comments
To Top