NFL

Acusações contra wide receiver Christian Kirk são descartadas

Christian Kirk, wide receiver calouro do Arizona Cardinals

(Crédito: Twitter/reprodução)

As acusações contra o wide receiver Christian Kirk, calouro do Arizona Cardinals, foram descartadas nesta quarta-feira (30) pelo Gabinete do Procurador de Scottsdale, no Arizona. As acusações eram derivadas de um incidente ocorrido em fevereiro.

Kirk foi preso e indiciado por conduta desordeira e danos à propriedade no dia 3 de fevereiro. O atleta foi visto atirando pedras em carros juntamente com um amigo, enquanto comparecia ao Waste Management Phoenix Open, torneio de golfe realizado no TPC Scottsdale, segundo a polícia de Scottsdale.

“Os suspeitos estavam intoxicados e deixando o WMPO. Enquanto eles estavam andando em um estacionamento, o pessoal de segurança os observou atirando pedras em carros e quebrando a janela de pelo menos um deles”, disse a polícia ao jornal ‘azcentral.com’.

Segundo um relatório policial obtido pelo ‘NFL.com’, o policial que fez a apreensão foi alertado do que estavam fazendo dois homens, um deles Christian Kirk, por um homem deitado em uma van supostamente danificada por uma pedra lançada por Kirk e seu amigo. O homem então viu Kirk e seu amigo arremessando pedras em outros veículos.

O Arizona Cardinals selecionou Kirk na segunda rodada do draft de 2018 da NFL, com a 47ª escolha geral.

Em seu Twitter, Christian Kirk se pronunciou após as acusações serem retiradas.

“Desde o começo, eu estava confiante de que os fatos e a verdade acabariam validando o tipo de pessoa que eu sou. Sou grato por ter sido o caso. Eu aprecio todo o apoio que recebi enquanto esse processo se desenrolava, particularmente da minha família e amigos bem como dos Cardinals e dessa comunidade”, escreveu o jogador, em comunicado divulgado em seu Twitter oficial.

Comments
To Top