NFL

A.J. Green elogia John Ross: “está saudável e explosivo novamente”

John Ross, wide receiver do Cincinnati Bengals

(Crédito: Twitter/reprodução)

Recentemente, o técnico Marvin Lewis rechaçou a ideia de que John Ross tinha sido uma escolha errada do Cincinnati Bengals no draft de 2017, depois de uma temporada de calouro bastante apagada por parte do wide receiver, que não fez uma recepção sequer.

E o head coach da franquia de Ohio não é o único a demonstrar apoio público ao camisa 15.

Ross vem trabalhando na offseason com T.J. Houshmandzadeh, ex-recebedor dos Bengals, e isso fez com que o wide receiver A.J. Green, atual astro dos Bengals, elogiasse o jovem selecionado com a nona escolha geral do draft do ano passado.

“Ele recuperou a confiança. A maneira como ele está trabalhando nesta offseason é inacreditável. Ele está saudável e explosivo novamente”, declarou Green ao ‘The Sporting News’.

Ross começou sua carreira com o pé esquerdo, perdendo todo o programa de treinamentos de offseason do Cincinnati Bengals e a maioria do training camp depois de passar por uma cirurgia no ombro. As chances de ele jogar na semana 1 da temporada 2017, que já eram bem pequenas, foram por água abaixo quando ele lesionou o joelho no último jogo da pré-temporada.

As poucas chances que Ross tinha de jogar durante os primeiros três meses da temporada foram destruídas por erros de calouro, tais como erros em rotas e tudo mais. E, enquanto ele tentava conquistar algum espaço, uma outra lesão que exigiu cirurgia no outro ombro acabou encerrando sua temporada de vez.

Responsável por quebrar o recorde do Combine de Chris Johnson no tiro de 40 jardas, John Ross causou uma grande primeira impressão. Mas quase tudo foi apagado por uma primeira temporada na NFL sem uma recepção sequer.

Como Ross afirmou mais cedo nesta offseason, esse é um novo ano com “muitas coisas novas chegando”.

Uma dessas coisas é trabalhar em seu ofício com Houshmandzadeh, que foi um grande recebedor em termos de percorrer rotas durante seus anos em atividade.

“Você chega a este nível, todos podem correr. Sua técnica e capacidade de se desmarcar têm que vir antes, porque você não pode superar todo mundo apenas na velocidade”, falou Houshmandzadeh sobre Ross, no mês passado.

E o ex-jogador acredita que o jovem que está trabalhando com ele pode atingir seu potencial.

“Se ele está trabalhando comigo, aposte sua casa nele”, prometeu T.J. Houshmandzadeh.

Comments
To Top