NBA

Stephen Curry pode ter contrato de mais de US$ 200 milhões com novo acordo coletivo

Crédito: Instagram/reprodução

Com a notícia da quarta-feira que o novo acordo coletivo da NBA foi acertado entre os donos de franquias e o sindicato dos jogadores, o armador Stephen Curry deve ter estourado uma garrafa de champagne. Apenas o quarto maior salário do Golden State Warriors hoje, o armador poderá ganhar um novo contrato de mais de US$ 200 milhões na próxima offseason, segundo informação da ESPN americana.

Colocando em números, a franquia californiana poderá oferecer até US$ 207 milhões por cinco anos de contrato, com o primeiro deles representando US$ 36 milhões, o triplo que Curry ganha hoje. Vale destacar que o valor baixo do atual contrato do camisa 30 se deve ao fato que ele foi assinado em 2013, quando o armador ainda gerava uma certa desconfiança por causa de seguidas lesões, especialmente no tornozelo.

A razão para essa soma astronômica é que o armador se encaixa nos quesitos mais importantes para representar até 35% da folha salarial do time, como ter sido draftado pelos Warriors e só jogado por eles, além dos prêmios individuais. No acordo coletivo anterior, ele poderia ganhar 30%.

Essa diferença foi pensada justamente para segurar as estrelas nos times que elas foram draftadas, ajudando assim as franquias dos menores mercados. Russell Westbrook, Gordon Hayward, Paul George, DeMarcus Cousins e outros mais veteranos que estão no mesmo time desde que chegaram na NBA vão se beneficiar muito com essa mudança também. Assim como Karl-Anthony Towns e outros mais jovens quando assinarem o primeiro contrato após o de calouro.

Mas se Curry é basicamente certo para os Warriors, Kevin Durant, apesar de não poder chegar ao mesmo valor que Curry por ter apenas um ano de Warriors quando entrar na free agency novamente, também terá um contrato astronômico. Por isso a ESPN destaca que a franquia californiana saiu vencedora e perdedora com as novas regras. Com Curry e Durant assinando novos contratos, ficará difícil segurar jogadores importantes como Shaun Livingston e Andre Iguodala. E apesar de terem contratos de longa duração, uma engenharia financeira terá que ser feita para segurar outras estrelas como Klay Thompson e Draymond Green.

Comments
NFL, NBA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: [email protected]
Copyright © 2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18


Jogue com responsabilidade


To Top