NBA

Spike Lee critica James Dolan por caso Oakley; Dolan convida Sprewell para homenagem

Latrell Sprewell Knicks

Crédito: Instagram/reprodução

Se Jack Nicholson é o torcedor-estrela do Los Angeles Lakers, Spike Lee é a versão nova-iorquina. E o eterno fã do New York Knicks não está nada feliz com sua franquia e seu dono, James Dolan, após a prisão de Charles Oakley no Madison Square Garden.

No comunicado lançado pelos Knicks logo após o ocorrido, a franquia lamentou o ocorrido e declarou que esperava que o ex-jogador procurava ajuda. Se essa expressão desse “desejo” foi mal vista por muitos que acompanham a NBA, o comentário de Dolan em uma entrevista insinuando que Oakley pode ter problemas com a bebida caiu como uma bomba. Especialmente para Lee.

“Como alguém pode dizer que alguém é um alcoólatra? Você não pode na minha opinião. E mesmo que a pessoa seja, por que você falaria isso? Eu não sei a razão. Tudo que posso fazer é usar minha jersey”, declarou Lee, que foi ao jogo da equipe contra o San Antonio Spurs com uma camisa 34 e o nome do ídolo.

Oakley respondeu o comentário de Dolan, negando que seja um alcoólatra e que visita centros de reabilitação para oferecer apoio a quem está tentando se livrar do vício.

Mas obviamente, como se trata de New York Knicks, a história não para por ai.

No jogo contra os Spurs, vários ex-jogadores da história da franquia se sentaram ao lado de Dolan para acompanhar a partida e ganhar homenagens nos telões do Garden.  E entre eles estava Latrell Sprewell.

Sim, o mesmo Latrell Sprewell que depois de ter sido trocado pelos Knicks em 2003 para o Minnesota Timberwolves, voltou ao Madison Square Garden e xingou Dolan a cada cesta que fez, já que não queria ter saído do time.

“Eu não posso te dizer porque não tinha voltado mais, mas posso te dizer que quando fui trocado, não estava feliz. Nova York é uma segunda casa para mim. Amo os fãs daqui. Os fãs me abraçaram. Não há lugar como o Garden para jogar. Quem não gostaria de jogar no Garden”, disse Sprewell, que lamentou o incidente de Oakley mas não se alongou no assunto.

 

Além de Sprewell, Larry Johnson e Bernard King (lenda dos Knicks e idolatrado por Spike Lee) também estavam próximos do dono dos Knicks, em uma ação de marketing para melhorar a imagem da franquia e de James Dolan mais cristalina que a água servida nos camarotes do Garden.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top