NBA

Sacramento Kings se despede de Sleep Train Arena com vitória

Crédito: Instagram/reprodução

Crédito: Instagram/reprodução

Não estamos nos tempos áureos do Sacramento Kings, muito pelo contrário. Mas neste sábado, na última partida da franquia na Sleep Train Arena, o ginásio recebeu ídolos da franquia e viu os Kings vencerem o Oklahoma City Thunder com Russell Westbrook e Kevin Durant. Ou seja, foi uma bela despedida.

Mais de 50 ex-jogadores e treinadores foram anunciados. Entre eles Rick Adelman, Othis Thorpe, Mike Bibby, Kenny Smith, Vlade Divac – hoje dirigente na franquia – e muitos outros.

Apesar da franquia não ir para os playoffs há dez anos, mais uma vez o torcedor de Sacramento mostrou seu apoio e lotou seu ginásio. Foi a 26ª vez que isso aconteceu nesta temporada fraca (apenas 32 vitórias e 48 derrotas) e pela 780º vez em 1.122 jogos. O ginásio foi aberto em 1988.

No jogo de encerramento, o Thunder conseguiu empatar a partida faltando seis segundos depois de Russell Westbrook sofrer uma falta boba em um arremesso desesperado perto da metade da quadra. Só que Rudy Gay pegou a bola, fez a infiltração e faltando apenas um segundo, conseguiu a falta. Ele acertou os dois arremessos e os Kings venceram por 114 a 112.

Conhecido como Arco Center na maioria de seus 28 anos, ele recebeu os jogos dos Kings desde o começo e apenas um período de grande sucesso, na virada dos anos 90 para os 2000 quando liderados por Chris Webber e com Mike Bibby, Vlade Divac e muitos outros, a franquia por pouco não chegou na final da NBA, perdendo para o Los Angeles Lakers de Kobe Bryant e Shaquille O’Neal em sete jogos.

Se o time vacilou, a torcida sempre se entregou. E agora no Golden 1 Center, que custou US$ 580 milhões, isso não deve mudar.

Comments
To Top