NBA

Rudy Gobert admite ter ficado chateado com Gordon Hayward por modo como ele saiu

Gordon Hayward Jazz

Crédito: Instagram/reprodução

A saída de Gordon Hayward do Utah Jazz estava longe de ser improvável, já que o Boston Celtics podia oferecer para ele um excelente contrato, jogar em uma Conferência mais fraca e se reunir com Brad Stevens, seu treinador na Universidade de Butler. Mas Rudy Gobert mesmo assim ficou chateado com seu ex-companheiro, não pela saída, mas pelo modo como saiu.

“Você não pode ficar bravo com alguém por querer jogar em outro time. É só o jeito como ele lidou com isso, isso é o que não gostei. Estou feliz por ele ao mesmo tempo, espero que ele seja feliz lá e consiga o que ele procura”, disse o atleta francês.

A troca de times de Hayward foi mesmo estranha: depois da notícia sobre sua escolha pelos Celtics ser antecipada pela ‘ESPN' americana – e noticiada pelo Quinto Quarto – seu agente negou que a decisão tinha sido feita e o Utah Jazz disse confiar nessa declaração.

Mas seis horas depois, em artigo no The Players Tribune, o jogador confirmou que estava de saída para Boston, deixando claro que a notícia anterior era certa e o suspense foi criado apenas para a versão oficial, escrita pelo jogador, fosse a “novidade”. E isso deixou Gobert, o Jazz e nós do Quinto Quarto loucos, pelo visto.

Ele não falou com seu colegas sobre essa decisão e só avisou o Jazz minutos antes da publicação do artigo.

“Para todos seus companheiros, todos os caras que competiram com ele por anos, caras que se sacrificaram por ele e a equipe, não nos avisar e (se preocupar) como nós seguiríamos em frente com sua saída […] Eu acho que não foi o melhor jeito de fazer, mas superei isso. Estou apenas focado na equipe”, declarou Gobert, que assistia o jogo do Jazz na Summer League quando deu entrevista à ‘ESPN' americana.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top