NBA

Paul Pierce anuncia que jogará esta temporada e depois se aposentará

Paul Pierce Clippers

Crédito: Instagram/reprodução

Paul Pierce foi mais um grande nome na NBA que esteve envolvido em boatos sobre aposentadoria. Mesmo com contrato com o Los Angeles Clippers, o ala nunca confirmou que voltaria para mais uma temporada e a decisão ficou no ar até esta segunda, quando em um texto para o The Players Tribune, ele esclareceu o que irá fazer: jogar mais esta temporada e depois pendurar as chuteiras.

“É hora de começar a seguir em frente do jogo de basquete. Como qualquer decisão, você tem que estar em paz com si mesmo. Estou em paz sobre me aposentar. Mas ainda tenho mais uma caminhada. Mais uma temporada. Mais uma oportunidade.”

Pierce tem 38 anos e fará 39 em outubro e teve uma temporada ruim em sua primeira temporada em Los Angeles, com médias de 6,1 pontos e 2,7 rebotes por jogo. O que fez ele ter um renascimento em Washington, como jogador decisivo e ameaça de pontuação nos momentos finais dos jogos, não se repetiu nos Clippers, com o time sendo eliminado logo na primeira fase dos playoffs para o Portland Trail Blazers. Só que isso só motivou The Truth.

“Como disse, vencer um campeonato aqui no Los Angeles Clippers seria monumental e se posso ser parte disso, é algo a se pensar e é algo que me motivou desde agosto”, declarou o camisa 34.

Durante a offseason, o treinador e presidente da franquia, Doc Rivers, disse ter conversado com Danny Ainge, presidente de operações do Boston Celtics, sobre homenagens a Pierce caso ele se aposentasse. Ídolo dos Celtics, onde jogou por 15 anos e ganhou um título (com Rivers de treinador), era esperado que ele voltasse a Boston para assinar um contrato de um dia e se aposentasse como um celta. Mas tudo isso terá que ser postergado por um ano.

“Depois de 18 anos na NBA, é difícil de imaginar que jogarei em cada arena pela última vez. Então vou aproveitar cada treino, cada viagem de ônibus, cada jantar da equipe, cada vez que correr pelo túnel (e entrar em quadra). Vou fazer minha parte para criar a chance de alcançarmos o objetivo final”, declarou Pierce.

Depois de perder Kobe Bryant, Tim Duncan e Kevin Garnett, Paul Pierce também seria duro demais. E além disso, o Hall da Fama ganha um nome gigante para a classe de 2022.

Comments
To Top