NBA

Patrick Ewing deixa o Charlotte Hornets para treinar equipe de basquete de Georgetown

Um dos maiores nomes da equipe de basquete da universidade de Georgetown, Patrick Ewing está voltando para sua alma mater. O lendário pivô estava trabalhando como assistente no Charlotte Hornets e há anos fazia campanha para ter um trabalho como head coach.

A oportunidade surgiu após a demissão de John Thompson III, filho de John Thompson Jr, que por 27 anos foi treinador de Georgetown e formou Ewing – que disputou três finais da NCAA e ganhou em 1984 -, Allen Iverson, Alonzo Mourning, Dikembe Mutombo e muitos outros. Por todos esses pivôs, os Hoyas ficaram famosos como uma escola de big men.

“Meus quatro anos em Georgetown foram os melhores da minha vida. Georgetown é minha casa e é uma grande honra para mim voltar para a minha alma mater e ser o novo treinador. Estou me preparando para ser treinador há muitos anos e mal posso esperar para voltar para o Hilltop”, disse Ewing em comunicado.

O ex-jogador passou por diversas franquias da NBA como head coach: Washington Wizards, Houston Rockets, Orlando Magic e por fim o Charlotte Bobcats/Hornets, onde estava desde 2013 e trabalhava como assessor direto do treinador Steve Clifford. Nos últimos anos, Ewing reclamou da falta de oportunidades para ser treinador, sendo que ele fez várias entrevistas para cargos que abriram, a última delas no Sacramento Kings.

No fim, tudo deu certo, já que o ex-jogador volta para sua casa e terá um bom desafio à frente. O mais curioso é que outro grande ex-jogador dos anos 90 será um rival na mesma conferência Big East: Chris Mullin é o head coach da St. John's University.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top