Mundial 2014

Brasil sofre apagão, perde para Sérvia e está fora do Mundial

(Crédito: Fiba/divulgação)

(Crédito: Fiba/divulgação)

Um verdadeiro apagão no terceiro quarto acabou com todas as chances de classificação do Brasil para as semifinais do Mundial de basquete. Depois de dois primeiros quartos equilibrados, a Seleção Brasileira não jogou absolutamente nada no terceiro período, perdeu a parcial por 29 a 12 e foi derrotada pela Sérvia pelo placar de 84 a 56.

Com o resultado, a Sérvia se classifica e agora aguarda o clássico europeu entre França e Espanha para conhecer seu adversário das semifinais do Mundial.

O grande destaque da Sérvia foi Teodosic, que fez uma excelente partida e saiu de quadra com 23 pontos, três rebotes e quatro assistências. Além dele, Bogdanovic foi o responsável por 12 pontos, seis rebotes e duas assistências, Krstic anotou dez pontos e Raduljica também saiu do jogo com dez pontos, além de quatro rebotes.

Do lado do Brasil, o principal destaque foi Marquinhos, que fez 12 pontos no jogo, e Anderson Varejão, que saiu de quadra com 12 pontos e nove rebotes.

O aproveitamento da Seleção Brasileira nas bolas de dois pontos foi de apenas 34%, contra 59% dos sérvios. O aproveitamento nos lances livres do Brasil, assim como em quase todo o Mundial, foi pífio, sendo que os comandados do técnico Rubén Magnano converteram apenas 47% dos tiros.

O jogo – Desde o primeiro quarto, a Seleção Brasileira sofreu com a marcação e permitia que a Sérvia infiltrasse no garrafão sem muitas dificuldades. A Sérvia faturou o primeiro período com parcial de 21 a 17.

O segundo quarto foi mais equilibrado, mas mesmo assim a Sérvia foi superior ao Brasil. Aproveitando a facilidade para entrar no garrafão e fazer a bandeja e também nos chutes de perímetro, os europeus venceram a parcial por 16 a 15 e foram para os vestiários vencendo por cinco pontos de diferença (37 a 32).

Foi no terceiro quarto que o Brasil verdadeiramente perdeu a partida. A Seleção Brasileira se descontrolou, tomou faltas técnicas e foi superada na parcial por 29 a 12. A diferença na parcial fez com que o Brasil ficasse 22 pontos (66 a 44) atrás no início do último quarto.

Já sem forças para reagir, o Brasil foi presa fácil para os sérvios no último quarto. Mesmo com grande folga no marcador, a Sérvia manteve a atenção na defesa e chegou a abrir 31 pontos de vantagem quando restavam 3min17s (82 a 51). Nos minutos finais, os europeus só controlaram o relógio e confirmaram a classificação para as semifinais.

Comments
To Top