NBA

Los Angeles Clippers teriam conseguido fazer DeAndre Jordan a desistir de assinar com os Mavericks

(Crédito: Instagram/reprodução)

(Crédito: Instagram/reprodução)

DeAndre Jordan disse para os Los Angeles Clippers que ele quer se afastar de seu novo acordo com o Dallas Mavericks para ficar em Los Angeles. No entanto, segundo fontes da ESPN.com, os Clippers estão convencidos de que devem permanecer ao lado de Jordan até que ele possa assinar um contrato, já que o pivô já mudou de ideia uma vez.

Em reunião, na quarta-feira (08), em sua casa em Houston, com vários colegas de equipe dos Clippers e membros da franquia, o jogador de 26 anos deixou a mensagem clara de que ele tem a intenção de renegar o compromisso de assinar um contrato de quatro anos no valor de 80 milhões de dólares com os Mavericks para assinar um contrato lucrativo com os Clippers.

Nessa quarta-feira (08), DeAndre Jordan não respondeu nenhuma tentativa de contato com ele, que incluíram telefonemas e mensagens de texto. Além disso, fontes dizem que Mark Cuban, proprietário da franquia de Dallas, já teria começado a notificar as pessoas dentro da organização de que Jordan deverá ficar em Los Angeles.

Além disso, existem informações de que a franquia de Los Angeles fez um amplo processo para tentar fazer Jordan reconsiderar a sua decisão de ir para Dallas. Com o jogador inclinado a voltar para os Clippers, Doc Rivers, treinador da equipe, Chris Paul e Blake Griffin, colegas de equipe, Steve Ballmer, proprietário dos Clippers, e o presidente do time se envolveram para fazer o pivô voltar para o Los Angeles Clippers.

Os Mavericks tinham a esperança que assinariam com Jordan na quarta-feira (08), quando os jogadores podem assinar o seu contrato formalmente. Contudo, os Clippers acreditam que tem uma chance real de ele embarcar para Los Angeles para renovar.

Antes de tomar a decisão de se juntar aos Mavs, Jordan e Griffin teriam conversado várias vezes. Uma das principais preocupações de DeAndre Jordan era se Blake Griffin não seria negociado nos próximos anos, pois os Clippers vêm falhando nos playoffs. Outra preocupação é se Griffin pretende ficar em Los Angeles após 2017, quando ele e Chris Paul poderão virar agente livre.

Em relatos, Griffin teria dito que apoiaria a decisão do Jordan e, quando foi indicado que ele iria para Dallas, Griffin teria parabenizado DeAndre Jordan, contudo, na segunda-feira (06), o pivô teria informado para a estrela dos Clippers que havia dúvidas sobre sua decisão, com isso, a franquia de Los Angeles armou sua estratégia para tentar conseguir o retorno de Jordan.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top