NBA

Lakers não exercem opção em Jordan Hill para liberar dinheiro

(Crédito: Instagram/reprodução)

(Crédito: Instagram/reprodução)

O Los Angeles Lakers não vai exercer a sua opção de time no valor de US$ 9 milhões no contrato do pivô Jordan Hill, segundo informações da ESPN norte-americana. A franquia californiana tem interesse em fechar novo contrato com o jogador na free agency, mas tomou a decisão no momento para ajudar a adicionar espaço no salary-cap e ter a possibilidade de correr atrás de algumas boas contratações.

Declinando a opção de Hill, os Lakers terão cerca de US$ 23 milhões de espaço para gastar e correr atrás de nomes como o ala-pivô LaMarcus Aldridge, do Portland Trail Blazers, os pivôs Marc Gasol, do Memphis Grizzlies, e DeAndre Jordan, do Los Angeles Clippers, e os alas-pivôs Kevin Love, do Cleveland Cavaliers, e Greg Monroe, do Detroit Pistons.

Na última temporada, Jordan Hill foi um dos destaques do Los Angeles Lakers, que fez uma péssima campanha de 21 vitórias e 61 derrotas, uma das piores de toda a história da franquia. A equipe ficou na penúltima colocação da Conferência Oeste, somente à frente do Minnesota Timberwolves (16 vitórias e 66 derrotas). Hill teve médias de 12 pontos e 7,9 rebotes por partida, as maiores de sua carreira de seis anos de NBA.

Jordan Hill foi titular em 57 jogos dos 70 nos quais entrou em quadra. Oitava escolha geral do draft de 2009, quando foi selecionado pelo New York Knicks, o pivô passou as últimas três temporadas no Los Angeles Lakers e, neste ano, ele deu indícios de que gostaria de seguir na Califórnia.

“Eu quero estar aqui. Quero estar em um lugar estável para chamar de casa”, declarou Hill.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top