NBA

Fastbreak: Tyronn Lue e LeBron James veem semelhanças entre Cavs e Patriots

LeBron James

(Crédito: Instagram/reprodução)

Fastbreak: jogo rápido com notícias importantes do mundo da NBA

– Um dia depois de um Super Bowl fascinante, obviamente o mundo da NBA reagiria ao jogo, que terminou com uma vitória incrível do New England Patriots. O treinador Tyronn Lue e o astro LeBron James veem semelhança entre os campeões do SB e eles mesmos, campeões da NBA.

“Com os Patriots e nosso time, nós temos grandes. Ter LeBron James no seu time, Kyrie (Irving), que é ótimo, e Tom Brady com um dos melhores treinadores de todos os tempos de todos os esportes (Bill Belichick), você tem que acreditar (na vitória)”, disse Lue. LeBron também bateu na tecla da perseverança: “como disse, você tem que jogar até o fim, confiar no plano de jogo e ver como termina”, declarou o camisa 23, que chamou Brady de melhor de todos os tempos.

– Escola que Kobe Bryant estudou no ensino médio (Lower Merion High School) foi assaltada e itens valiosos relacionados ao ex-jogador foram roubados, como uma camisa autografada, tênis da Nike e o troféu do campeonato estadual de 1996.

– O treinador do Golden State Warriors, Steve Kerr, foi multado em US$ 25 mil por ter atacado verbalmente o juiz Bill Spooner. Como contra imagens não há argumentos e ele entrou em quadra cheio de raiva e palavras nada amistosas, só restou pedir desculpas.

“Esses caras (árbitros) tem trabalhos miseráveis. Nós (treinadores) gritamos pra eles, todos os treinadores gritamos para eles todos os jogos. Parte do trabalho de ser um bom árbitro é entender que não é pessoal. Por isso acho que não teremos problemas. Bill é um excelente árbitro. Ele está na liga há um bom tempo. Vou me desculpar e com certeza tudo ficará bem”, declarou Kerr.

– O Miami Heat tem dez vitórias seguidas e curiosamente, todas elas vieram depois que a franquia assinou com o ala calouro Okaro White. Não que ele seja LeBron James, 2.0, mas com 48% de aproveitamento nos arremessos e vindo bem do banco, especialmente na defesa, White convenceu o Heat a assinar um contrato até o fim da temporada. Para abrir uma vaga no elenco, o time dispensou Derrick Williams

Comments
To Top