NBA

Em jogo com prorrogação emocionante, Spurs batem Rockets e abrem 3 a 2 na série

Manu Ginobili, ala-armador do San Antonio Spurs

(Crédito: Twitter/reprodução)

San Antonio Spurs (61-21) 110 x 107 Houston Rockets (55-27) – 3 a 2 pró-Spurs

O cara do jogo: Kawhi Leonard (22 pontos, 15 rebotes, 4 assistências, 2 roubadas de bola e 2 tocos).

Após um jogo 4 de pouca inspiração, o San Antonio Spurs viu a série válida pela semifinal da Conferência Oeste voltar ao seu ginásio, o AT&T Center, na noite desta terça-feira (9). E, em um duelo com direito a um período de prorrogação bem movimentado, o time do técnico Gregg Popovich derrotou o Houston Rockets para fazer 3 a 2 na série e ficar a um triunfo da decisão de conferência.

O San Antonio Spurs teve um grande início de confronto e encaixou uma grande sequência de ataques, abrindo 20 a 11 a 6min50s do final do primeiro quarto. O Houston Rockets, contudo, encaixou aos poucos seus arremessos e terminou a etapa inicial com apenas três pontos de desvantagem (32 a 29).

Os donos da casa mantiveram a ponta nos primeiros minutos do segundo quarto, mas então Ryan Anderson acertou uma bola de três a 7min13s do intervalo e colocou Houston na liderança do placar (42 a 41). O equilíbrio se manteve no restante do quarto, mas os Rockets foram bem nos arremessos de três de Eric Gordon e Patrick Beverley e fecharam a primeira metade com dois pontos de frente (60 a 58).

A equipe anfitriã começou o terceiro quarto meio desligada e, com uma bola de três de James Harden e uma cesta de dois pontos de Clint Capela, após assistência de Harden, os visitantes abriram sete pontos de frente (65 a 58) e os Spurs pediram tempo, com o técnico Gregg Popovich demonstrando muita irritação.

A chamada de atenção funcionou e San Antonio voltou ao jogo no restante do quarto. Comandado por Kawhi Leonard e Danny Green, o time da casa terminou a etapa vencendo por um ponto (86 a 85).

Os Spurs iniciaram o último quarto com uma bola de três de Manu Ginobili para abrir quatro de vantagem (89 a 85). Porém, os comandados de Popovich caíram muito em termos de produção ofensiva na sequência e viram o adversário passar à frente e abrir três pontos (94 a 91) a 5min56s do final, após bandeja de Lou Williams. O confronto novamente ficou equilibrado na reta final e o placar ficou em 101 a 101, levando a definição para a prorrogação.

Os dois times começaram muito mal no período extra, errando na definição de todos os ataques, e não houve um ponto sequer nos primeiros três minutos. Quem foi mover o marcador foi o Houston Rockets, com bola de três de Beverley a dois minutos do encerramento. Na sequência, Harden cometeu um turnover e Jonathon Simmons pegou a bola e partiu para o contra-ataque, mas Trevor Ariza fez a falta. Dois lances livres convertidos e desvantagem de um ponto para San Antonio (104 a 103).

Danny Green fez uma bola de três para virar o jogo para os Spurs a 56s do final, mas Ryan Anderson devolveu na mesma moeda e recolocou os visitantes em vantagem (107 a 106). Green voltou a chamar a responsa em seguida e acertou uma bola de dois com direito a falta. Lance livre convertido e 109 a 107 no placar. Com 15s restantes, Green acertou mais um lance livre para fazer 110 a 107.

Os Rockets tinham a bola para buscar o empate. Eric Gordon deixou a bola escapar, mas pulou e decidiu com Patty Mills a bola presa. A posse de bola voltou para Houston e James Harden tentou forçou bola de três no estouro do cronômetro, mas o argentino Manu Ginobili foi monstruoso, chegou por trás e deu o toco que definiu o resultado final.

O San Antonio Spurs apresentou aproveitamento de 40,8% nos arremessos de quadra e de 33,3% nas bolas de três pontos. Já o Houston Rockets caiu de produção nas bolas de três na segunda metade do jogo e terminou com os mesmos 33,3% neste quesito, além de 43,7% nos arremessos de quadra.

O sexto jogo da série, que pode fechar a disputa em caso de novo triunfo dos Spurs, será disputado nesta quinta-feira (11), às 21h (de Brasília), no Toyota Center, casa do Houston Rockets. Se os Rockets vencerem, a série volta para o AT&T Center e a decisão do classificado para a final do Oeste será no domingo (14).

Na história dos playoffs da NBA, o vencedor do jogo 5 faturou a série em 82% das ocasiões. Assim sendo, parece que o San Antonio Spurs está mesmo próximo de pegar o Golden State Warriors, que varreu o Utah Jazz na outra semifinal do Oeste.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popular

NFL, NBA MMA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: contact@quintoquartobr.com
Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top