NBA

Dia 12 dos Playoffs: Westbrook e LeBron dão show, Raptors vencem, Rockets se classificam

Thunder x Jazz, jogo 5

Oklahoma City Thunder (2-3) 107 x 99 Utah Jazz (3-2)

Quem foi dormir mais cedo com o Jazz com uma vantagem de 25 pontos no terceiro quarto e Jae Crowder dominando, perdeu uma virada do Thunder com Russell Westbrook e Paul George fazendo seu time sobreviver. Foram 45 pontos para Westbrook, mais 15 rebotes e 7 assistências e 34 pontos para Paul George para forçar pelo menos um jogo 6 nessa série incrível.

OKC teve um segundo quarto especialmente deprimente, com apenas 12 pontos e aproveitamento ruim de seus jogadores. Enquanto isso Crowder parecia estar iluminado: ele terminou com 28 pontos.

E essa tônica continuou no terceiro quarto até que a diferença chegou a 25. Porém, Russell Westbrook continuou sendo agressivo, as bolas começaram a cair e Rudy Gobert e depois Derrick Favors ficaram com cinco faltas. Com eles no banco e até depois deles voltarem, o Thunder não teve medo de atacar, enquanto o Jazz começou a amassar o aro, sofrer turnovers e sentir a pressão da torcida.

Westbrook teve 20 pontos no terceiro quarto e com pontos no início do último colocou o Thunder à frente. Alex Abrines em uma bola de três clutch e Paul George sendo imparável contribuíram para o aumento da liderança. Os pedidos de tempo de Quin Snyder de nada adiantaram e a torcida só ficava ainda mais em delírio com cada cesta de seu ídolo máximo. Westbrook terminou com 45 pontos, 39 bolas arremessadas, 20 levantadas de braço para pedir o barulho da torcida e sua estátua garantida em Oklahoma City.

Cavaliers x Pacers - jogo 5

(Crédito: Instagram/reprodução)

Cleveland Cavaliers (3-2) 98 x 95 Indiana Pacers (2-3)

O Cleveland Cavaliers parecia ter encaminhado a partida com um terceiro quarto sensacional, com apenas 17 pontos cedidos e sete turnovers forçados. Mas os Pacers voltaram à partida no último período, aproveitando mismatches com Domantas Sabonis. Só que nas duas últimas jogadas LeBron James mostrou porque é o melhor jogador de basquete do mundo.

Com o jogo empatado em 95, Victor Oladipo ordenhou o relógio e partiu para a bandeja. Ele conseguiu um passo de frente e soltou a bola. LeBron, em uma jogada característica dele, deu o toco, que parece ter sido ligeiramente atrasado. Os árbitros não viram assim.

Com 3 segundos faltando, os Cavs pediram um tempo. Os Pacers tinham uma falta ainda para fazer, mas a bola foi para LeBron imediatamente, em seu primeiro passo ele conseguiu a distância do marcador e fez a bola de três para decidir o jogo em um momento épico. O camisa 23 terminou com 44 pontos, 10 rebotes e 8 assistências.

Agora os Pacers voltam para Indianápolis para tentar forçar um jogo 7. A chave para isso é tentar fazer Victor Oladipo voltar para a série, já que ele teve mais uma partida muito ruim: 2 de 15 nos arremessos para 12 pontos, a maior parte deles de lance livre. Sofrendo com marcações duplas, ele ainda acha os companheiros e Sabonis mais Thaddeus Young aproveitaram. Mas no momento decisivo, ele vai precisar fazer. E do jeito que a série está, com jogos decididos no fim, a oportunidade irá surgir.

Raptors x Wizards, jogo 5

(Crédito: Instagram/reprodução)

Toronto Raptors (3-2) 108 x 98 Washington Wizards (2-3)

O domínio caseiro continua nesta série. Depois de dois triunfos dos Raptors no Canadá e dois dos Wizards na capital americana, o duelo voltou para o Norte e os Raptors tiveram um grande último quarto, puxando a diferença de 1 ponto para uma vitória de 10.

DeMar DeRozan mais uma vez foi o cestinha do time com 32 pontos, mas ele contou com um grande final de Delon Wright, que teve 10 de seus 18 pontos no quarto decisivo e também de Jonas Valanciunas, sem tanta importância nesta série mas que teve um duplo-duplo vital de 14 pontos e 13 rebotes nesta quarta.

John Wall e Bradley Beal combinaram para 46 pontos, com 26 do primeiro e 20 do segundo. Mas eles não conseguiram superar duas estatísticas vitais.

Os Raptors tiveram 50 rebotes contra apenas 35 dos Wizards. E os Wizards acertaram míseros 8 de 24 arremessos nos 12 minutos finais. Assim ficou fácil para o mandante confirmar mais uma vitória nesta série.

Rockets x Timberwolves, jogo 5

(Crédito: Instagram/reprodução)

Houston Rockets (4-1) 122 x 104 Minnesota Timberwolves (1-4)

O único que se classificou neste dia cheio de NBA foi o Houston Rockets. Na série mais desanimada até o momento, os Rockets voltaram a dominar os Timberwolves só dando algumas mostras de seu poderio ofensivo. James Harden teve 24 pontos e 12 assistências, mas apenas 8 de 21 nos arremessos.

O destaque dos texanos foi Clint Capela com 26 pontos e 15 rebotes. Karl-Anthony Towns compareceu com 23 pontos e 14 rebotes, mas a defesa do seu time foi simplesmente péssima.

Além dos 50 pontos do combo Harden e Capela, Trevor Ariza teve 16 pontos, P.J. Tucker 15 e Eric Gordon, vindo do banco, 19. Chris Paul foi péssimo com 0 de 8 de três, mas mesmo assim teve 12 pontos, sem aproveitar tanto o que os T-Wolves fizeram o ano inteiro: estendendo o tapete para os ataques adversários. Dessa vez custou sua vida na temporada.

 

Comments
NFL, NBA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: [email protected]
Copyright © 2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18


Jogue com responsabilidade


Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top