Mundial 2014

Companheiros de San Antonio Spurs, Manu Ginobili e Tony Parker estão fora do Mundial

(Foto: Reprodução/Facebook)

(Foto: Reprodução/Facebook)

O Campeonato Mundial de basquete se aproxima. Entre os dias 30 de agosto e 14 de setembro, na Espanha, atletas de 24 países vão tentar conquistar um dos títulos mais importantes da modalidade. Entretanto, duas fortes seleções não poderão contar com seus melhores atletas.

Como já era esperado, Tony Parker não irá defender a França no torneio. Após conduzir os Bleus ao título europeu no ano passado, ele decidiu que precisa descansar um pouco após uma temporada tão desgastante.

O armador atuou em apenas 68 dos 82 jogos da temporada regular de 2013-14. Ele passou por lesões nas pernas durante os últimos anos, o que acabou tirando-o de quadra em diversos momentos. Além disso, o camisa 9 dos Spurs atuou em 44 partidas dos playoffs juntando apenas as duas últimas temporadas com a franquia do Texas.

Agora, após ser outra vez campeão da NBA, Parker decidiu descansar. “É sempre difícil ver meus companheiros de seleção sem mim. Parece que minha segunda família está jogando no momento. Mas eu tenho que ser inteligente. Eu acho que é a decisão certa para mim e para os Spurs se eu quiser ter uma longa carreira. Ainda quero jogar mais dois verões (pela França) e estarei realizado. Em todos esses anos que eu estou com os Spurs, Gregg Popovich sempre foi óticmo comigo em relação à seleção. Eu senti que chegou a hora de retribuir”, disse o armador para Dan McCarney do San Antonio Express-News.

Outro desfalque no Mundial será Manu Ginobili. A Argentina até tentou levar o ídolo nacional para a competição, mas o San Antonio vetou a participação do atleta. A Confederação Argentina de Basquete (CAAB) confirmou nesta quinta-feira, 31 de julho, que a equipe do jogador na NBA não deixou o ala-armador participar do torneio.

A franquia Texana está tentando preservar o físico do atleta, já que ele sofreu uma fratura por estresse na perna direita durante as finais da liga contra o Miami Heat. Assim, os Spurs afirmam que Manu precisa de dois meses de descanso para se recuperar plenamente.

Vale lembrar que Ginobili já está com 37 anos e sofreu com algumas contusões nas últimas temporadas.

“No fim das contas não vou estar na Espanha. Eu lamento muito. Não queria terminar assim. Em breve explicarei como tudo aconteceu em minha coluna no LN”, disse o argentino em sua conta oficial no Twitter.

Comments
To Top