NBA

Com boas atuações de Ginobili e Diaw, Spurs batem Mavericks e empatam série em 2 a 2

(Crédito: Facebook/reprodução)

(Crédito: Facebook/reprodução)

O San Antonio Spurs não teve vida fácil na noite desta segunda-feira (28). E atuando fora de casa, os comandados do técnico Gregg Popovich venceram o clássico texano contra o Dallas Mavericks, no American Airlines Center, pelo placar de 93 a 89 e empataram a série em 2 a 2.

O jogo número 5 será realizado nesta quarta-feira (30), às 20h (de Brasília), no AT&T Center, casa do San Antonio Spurs. O time da casa tem a chance de passar à frente na série melhor de sete caso vença diante de sua torcida.

Os maiores destaques dos Spurs no duelo foram o argentino Manu Ginobili, que foi o responsável por 23 pontos, três rebotes e cinco assistências, e Boris Diaw, que saiu de quadra com 17 pontos, quatro rebotes e quatro assistências. Entre os titulares, Tim Duncan anotou 14 pontos e dez rebotes, um double-double, e o brasileiro Tiago Splitter contribuiu com dez pontos e 12 rebotes, outro duplo-duplo.

Do lado do Dallas Mavericks, o atleta mais produtivo em quadra foi Monta Ellis, que fez 20 pontos, apanhou quatro rebotes e deu três assistências. Já o alemão Dirk Nowitzki fechou com 19 pontos e sete rebotes, enquanto que Jose Calderon foi o responsável por 13 pontos e três assistências.

Os Mavs, apesar de atuarem com o apoio de sua torcida, não tiveram um bom desempenho em termos de arremessos de quadra, tendo convertido apenas 38,1% das tentativas. Além disso, a equipe de Dallas converteu apenas 64,3% dos lances livres, tendo errado dez (acertou 18 de 28), e esses baixos aproveitamentos pesaram muito no final.

No primeiro quarto, o Dallas Mavericks foi ligeiramente melhor do que o adversário e, desta forma, os donos da casa venceram a parcial por cinco pontos de diferença (23 a 18). No segundo quarto, entretanto, os Mavs sofreram um verdadeiro apagão e anotaram apenas 13 pontos na etapa. Se aproveitando do mal momento do oponente, o San Antonio Spurs foi para cima, marcou nada menos do que 32 pontos antes da ida aos vestiários e foi para o intervalo com 14 pontos de frente (50 a 36).

Na volta do intervalo, os Mavericks retornaram um pouco melhor e foram, aos poucos, voltando ao jogo. No final do terceiro quarto, os representantes de Dallas estavam perdendo por apenas oito pontos.

O início de último quarto não foi bom para o San Antonio Spurs, que fez apenas dois pontos nos primeiros 3min30s. Assim, o Dallas Mavericks encostou e, restante 6min22s para o fim, o jogo estava empatado em 77 pontos. A partida seguiu bastante parelha a partir deste momento e houve algumas trocas de liderança no marcador.

Com 52s para o fim, o jogo estava empatado em 87 a 87. Foi então que Boris Diaw recebeu bela assistência de Tony Parker e acertou uma crucial bola de três para colocar os Spurs na liderança (90 a 87). Com 19s restantes, Dirk Nowitzki acertou uma bola de dois e diminuiu a desvantagem dos Mavs para apenas um ponto. Mas então apareceu Ginobili, que acertou três lances livres nos dez segundos finais e ajudou a equipe comandada por Gregg Popovich a chegar ao triunfo e renascer na série.

Vale lembrar que, a equipe que passar da série entre San Antonio Spurs e Dallas Mavericks enfrenta, nas semifinais da Conferência Oeste, o vencedor do confronto entre Portland Trail Blazers e Houston Rockets. No momento, os Blazers vencem por 3 a 1 e podem fechar a série nesta quarta-feira (30), quando enfrenta os representantes de Houston, às 22h30 (de Brasília), no Toyota Center.

Confira todos os resultados desta segunda-feira (28) nos playoffs da NBA:

Charlotte Bobcats 98 x 109 Miami Heat (Heat fecha a série com 4 a 0) – confira o relato
Indiana Pacers 97 x 107 Atlanta Hawks (Hawks lideram a série por 3 a 2) – confira o relato
Dallas Mavericks 89 x 93 San Antonio Spurs (série empatada em 2 a 2)

Comments

Popular

To Top