NBA

Charlotte Hornets não renova acordo com Rich Cho e estaria interessado em Mitch Kupchak

Michael Jordan Charlotte Hornets

Crédito: Instagram/reprodução

O Charlotte Hornets é uma das equipes estagnadas na NBA, não sendo tão ruim para escolher alto no Draft e renovar sua equipe mas também longe de ser uma ameaça nos playoffs. E um dos responsáveis por isso, Rich Cho, não continuará como general manager da franquia.

A equipe de Michael Jordan anunciou que não renovará o contrato de Cho em um comunicado. Nele, Jordan afirmou que a procura por um novo general manager começa imediatamente.

Os Hornets devem ficar de fora dos playoffs pelo segundo ano consecutivo, mesmo tendo uma folha salarial polpuda, ficando em 10º na liga com US$ 117 milhões. Especulou-se antes do fechamento da janela que o time começaria uma reconstrução trocando seu principal jogador, o armador Kemba Walker.

No fim Walker não foi trocado, mas o novo general manager não deve manter o status quo, quebrando a cabeça para solucionar a falta de talento em algumas posições e acordos gigantescos, como o do francês Nicolas Batum, que receberá 24 milhões, 25 milhões e 27 milhões (player option) nas próximas três temporadas.

Mitch Kupchak pode ser opção

O jornalista Adrian Wojnarowski da ‘ESPN’ americana antecipou que Mitch Kupchak pode ser um forte candidato para a posição que Cho deixará. Jogador da North Carolina University, assim como Michael Jordan, Kupchak tem histórico no basquete local e grande experiência na posição de GM.

Como assistente de GM e posteriormente general manager do Los Angeles Lakers, Kupchak venceu cinco títulos da NBA. Os dois últimos foram inegavelmente seu mérito, especialmente com a troca que levou Pau Gasol para a cidade californiana. Há também quem critica sua era, especialmente por seu trabalho após a troca de Shaquille O’Neal para o Miami Heat e seus anos finais. Demitido em 2017, seus substitutos, Rob Pelinka e Magic Johnson (este como presidente da franquia) ainda têm que lidar com o péssimo contrato de Luol Deng.

Jordan quer dar ainda mais poder a Buzz Peterson, atualmente assistente de GM dos Hornets e companheiro de quarto do eterno camisa 23 na universidade, e Kupchak serviria como uma espécie de mentor. Outra possibilidade é o colombiano Gersson Rosas, figura de destaque no front office do Houston Rockets.

Comments
To Top