NBA

Celtics conseguem virar no fim, fecham série e repetem final do Leste com Cavaliers

Jayson Tatum Ben Simmons Celtics

Crédito: Instagram/reprodução

Boston Celtics e Cleveland Cavaliers farão a final da Conferência Leste pelo segundo ano consecutivo. Bastante mudados em relação a 2017 – curiosamente, a maior mudança, Kyrie Irving, trocou de lado mas não jogará a série – os dois times vão fazer o Jogo 1 neste domingo (13).

E os Celtics chegam para essa decisão depois de ter eliminado o Philadelphia 76ers em cinco jogos, com o último deles mantendo a emoção que teve em vários pontos nessa série. O placar final foi 114 a 112.

Todos os grandes jogadores apareceram para a partida desta quarta-feira no TD Garden. Do lado dos Celtics, Jaylen Brown voltou ao time titular e teve 24 pontos, sendo quase perfeito nos arremessos (10 de 13). Jayson Tatum foi sensacional, com 25 pontos. Al Horford e Terry Rozier somaram 15 pontos e 8 rebotes e 17 pontos respectivamente.

Do lado dos Sixers, Joel Embiid e Dario Saric tiveram 27 pontos cada, com 12 e 10 rebotes respectivamente. Ben Simmons somou 18 pontos, 8 rebotes e 6 assistências.

Depois do box score acima, vamos aos melhores momentos do fim da partida, que foi incrível.

Com 3:30 faltando, Saric mostrou mais uma vez que merece sua atenção com uma bola de três que fez o placar ficar 103 a 102 para os 76ers. Ben Simmons com uma bandeja aumentou a vantagem para três pontos e depois de Marcus Smart errar um lance livre, fez mais outra bandeja.

Eis que Tatum pediu a bola e conseguiu uma falta, acertando os dois lances livres. Já faltando menos de dois minutos de jogo, Saric conseguiu uma cesta com assistência de Simmons, mas Horford do outro lado deu uma cravada monstruosa que levantou o TD Garden. Placar: 107 a 109 para os 76ers.

Foi na jogada seguinte que os Sixers perderam sua maior oportunidade: JJ Redick teve livre a chance de fazer uma bola de três e aumentar a vantagem para cinco pontos, mas a bola bateu no aro. Marcus Smart empurrou uma bola para dentro depois de um arremesso bater no aro e Tatum conseguiu uma bandeja que virou o placar com 22 segundos faltando no relógio e quase uma violação do tempo de posse. 111 a 109 Celtics.

Os Sixers avançaram e pediram um tempo. A bola foi para Joel Embiid que embaixo da cesta foi marcado por Aron Baynes, que fez falta mas ela não foi marcada quando o pivô subia para tentar a cesta. Bola no aro, volta para Embiid e Terry Rozier, esperto, deu um tapa na bola, que bateu no jogador rival e saiu.

Ainda daria tempo para Rozier acertar dois lances livres, Redick fazer uma bola de três cinco vezes mais difícil que a anterior que ele perdeu, Smart ir para a linha, errar o primeiro, tentar errar o segundo e acertar e Simmons tentar um passe de quarterback, interceptado. Por quem? O cornerback Marcus Smart, em uma vingança do Super Bowl LII.

Ok, nem tanto. Mas os Celtics podem se orgulhar de ter eliminado os Sixers em cinco jogos, apesar dos muitos desfalques e chegar a uma final de Conferência contra os Cavaliers mais uma vez. Promessa de vários jogos bons. Tomara que sete.

Comments
To Top