NBA

Bucks x Heat como aconteceu – Resultado, destaques e reação

Antes de mais nada, nesta quinta-feira (21), o Miami Heat venceu o Milwaukee Bucks, atual campeão da NBA, pelo placar de 137 x 95, na FTX Arena. Dessa maneira, a equipe mandante dominou a partida desde o primeiro quarto até o último, estabelecendo uma vantagem de 42 pontos no final. Consequentemente, quebraram os recordes de maior pontuação e de maior margem de vitória em noites de abertura de temporada da franquia.

ASSISTA AOS MELHORES MOMENTOS DE BUCKS X HEAT

1º QUARTO: O INÍCIO DO MASSACRE

De início, o Miami Heat já demonstrou, no primeiro quarto, o que estaria por vir no restante do jogo. Faltando pouco menos de cinco minutos no relógio, o placar marcava 22 x 3 para a equipe da casa. A dificuldade do Milwaukee Bucks no ataque era nítida, com muitos turnovers, faltas e erros em arremessos.

Por fim, o período acabou em 40 x 17, fechando com um toco fantástico de Max Strus em Jordan Nwora e, em seguida, uma bola de três pontos de Tyler Herro no estouro do cronômetro.

2º QUARTO: ESFRIADA, MAS NEM TANTO

Apesar da esfriada no jogo, o Heat conseguiu ampliar ainda mais a vantagem no segundo quarto. Os Bucks tiveram o indício de que seu principal jogador, Giannis Antetokoumpo, tinha acordado, mas não foi o suficiente. Logo depois de cortarem a vantagem para 15 pontos, resultando no primeiro pedido de tempo técnico de Erik Spoelstra, os atuais campeões passaram mais de dois minutos sem pontuar.

Como resultado, os mandantes marcaram 14 pontos consecutivos. Ao final do quarto, o placar era 72 x 43, com destaques para Bam AdebayoJimmy Butler Tyler Herro.

3º QUARTO: MANTENDO A REGULARIDADE

Em primeiro lugar, o terceiro período da partida foi marcado pelo primeiro arremesso de quadra convertido por Kyle Lowry com a camisa do Heat. Após um susto no quarto anterior, quando o armador torceu o tornozelo mas voltou rapidamente, ele acertou uma bola de três logo no início.

De resto, o ritmo do jogo foi o mesmo: Miami dominando e ampliando a vantagem, Milwaukee com desempenho muito abaixo do esperado. Como consequência, faltando por volta de cinco minutos para o fim do quarto, ambas as equipes começaram a tirar seus principais jogadores e deram mais tempo aos reservas. Ao final, o placar marcava 105 x 69.

4º QUARTO: A MAIOR VANTAGEM E, ENFIM, O FIM

No geral, o último período consistiu em oportunidades para os atletas menos aproveitados demonstrarem seus talentos. Entretanto, a maior utilização do garbage time não impediu o Heat de aumentar ainda mais a margem de pontos, que chegou a 42 no final da partida.

O placar de 137 x 95 para Miami foi consequência da grande atuação da equipe tanto no ataque como na defesa. Os líderes de pontuação foram Tyler Herro (27), Jimmy Butler (21) e Bam Adebayo (20). Por outro lado, a ausência de Jrue Holiday fez os Bucks sentirem. Giannis Antetokounmpo jogou muito abaixo do esperado, assim como Khris Middleton.

BUCKS X HEAT – E AGORA?

Por fim, tanto o Heat como os Bucks voltam a atuar neste sábado (23) pela NBA. Enquanto a equipe de Miami enfrenta o Indiana Pacers, às 20h (horário de Brasília), a de Milwaukee jogará contra o San Antonio Spurs, às 21h30 (horário de Brasília). Ambos os times em destaque serão visitantes nos duelos.

Foto Destaque: Reprodução / Reuters

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top