Bullpen

Mike Trout: dono da festa e a cara do beisebol

Os holofotes não inibem o desempenho de Mike Trout. Quanto mais se espera do jovem de 23 anos, mais ele surpreende e encanta. E na noite da última terça-feira (14) não foi diferente.

Pela segunda vez consecutiva, Mike Trout brilhou no All-Star Game, levou o prêmio de MVP e comandou a vitória da Liga Americana sobre a Nacional pelo placar de 6 a 3, em partida realizada no Great American Ball Park, casa do Cincinnati Reds. Trout é o primeiro jogador na história da MLB a ganhar o prêmio de MVP do All-Star em anos seguidos. O “garoto” é a cara do beisebol.

O All-Star é uma grande festa e marca o meio da temporada. Daqui pra frente vai ficar cada vez mais difícil recuperar derrotas e emendar vitórias. Uma sequência de resultados ruins pode ser determinante para ficar de fora da festa em outubro. E Mike Trout sabe que seu desempenho é fundamental para os Angels de Anaheim. Ele vai além do box score para gerar corridas.

E no All-Star não foi diferente. Analisando somente os números de Trout, Lorenzo Cain (2-3 e uma corrida impulsionada) e Prince Fielder (1-1 e duas corridas impulsionadas) fizeram mais pela Liga Americana no bastão. Contudo, Trout (1-3) possui uma capacidade de modificar o rumo do jogo, sempre com um sorriso no rosto e pronto para conquistar base após base.

trout_mike

Na primeira entrada, Trout aniquilou um arremesso de Zach Greinke e marcou apenas o sexto home run de leadoff na história do All-Star Game. Quatro entradas mais tarde, o mesmo Trout transformou uma rotineira queimada dupla em uma entrada com mais duas corridas. Tudo isso porque ele não desiste das jogadas e faz acontecer. Ele vai além da rebatida.

Para finalizar, Trout voltou para a sétima entrada, forçou um walk e permitiu que mais duas corridas fossem anotadas, travando a reação da Liga Nacional e decidindo o futuro da próxima World Series, que terá mando da Liga Americana.

De forma simples e direta o beisebol se resume a rebater, correr e conquistar bases. Essas são as três formas de derrotar o adversário e não há outro jogador que mais se dedique a frustrar o outro time de que Trout. Toda bola é essencial.

Não à toa, o Los Angeles Angels sabe que tem uma grande chance de playoffs. E até mais que isso, desde que a franquia californiana pegue carona com sua grande estrela.

A vontade e a paixão pelo beisebol transbordam em Mike Trout. A qualidade de um esporte depende de seus ídolos. Após a festiva partida, diversos jogadores, mesmos os derrotados, estavam felizes e encantados com o dono da festa, que felizmente ainda tem muito a mostrar. Viva o beisebol, viva Mike Trout!

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top