MLB

Marcus Stroman é o MVP do World Baseball Classic; confira o All-Star Team

Marcus Stroman, MVP do World Baseball Classic

(Crédito: Instagram/reprodução)

Principal jogador da grande final, arremessando seis entradas sem sofrer rebatidas, Marcus Stroman, dos Estados Unidos, foi eleito o MVP (Most Valuable Player) do World Baseball Classic. A decisão foi feita por um painel de membros da imprensa.

Stroman, que perdeu seu no-hitter na sétima entrada da final, arremessou 15,1 entradas no mundial e ficou com ERA de 2,35, o melhor da seleção americana. O jogador de 25 anos, que havia dito que gostaria de defender Porto Rico, mas acabou optando por jogar pelos Estados Unidos, se junta ao arremessador japonês Daisuke Matsuzaka, que venceu o prêmio em 2006 e 2009 (anos em que o Japão foi campeão) e a Robinson Cano, que ganhou o prêmio em 2013, quando a República Dominicana se sagrou campeã.

Já no All-Star Team, Yadier Molina, receptor de Porto Rico, foi o único atleta selecionado que já esteve na equipe do campeonato de World Baseball Classics anteriores. O atleta do St. Louis Cardinals estava foi selecionado para o time das estrelas da edição de 2013. Além dele, o MVP Marcus Stroman também está entre os selecionados.

A seleção que teve mais jogadores para o time das estrelas foi Porto Rico, com cinco atletas selecionados. Os campeões Estados Unidos tiveram três jogadores escolhidos. Japão, Holanda, Israel e República Dominicana tiveram um jogador selecionado para o All-Star Team.

Confira o All-Star Team:

Receptor – Yadier Molina, Porto Rico (33,3%, com dois home runs e seis corridas impulsionadas)

Primeira base – Eric Hosmer, Estados Unidos (38,5%, com um home run, cinco corridas impulsionadas e duas rebatidas duplas)

Segunda base – Javier Baez, Porto Rico (30,8%, um home run, cinco corridas impulsionadas e quatro bases roubadas)

Terceira base – Carlos Correa, Porto Rico (33,3%, com três home runs, nove corridas impulsionadas, dois home runs e 10 corridas anotadas)

Shortstop – Francisco Lindor, Porto Rico (37%, dois home runs, quatro corridas impulsionadas e uma rebatida dupla)

Defensor externo – Wladimir Balentien, Holanda (61,5%, quatro home runs, 12 corridas impulsionadas, 10 corridas anotadas, 29 bases totais e slugging de 1.115)

Defensor externo – Gregory Polanco, República Dominicana (57,9%, com um home run, 2 corridas impulsionadas e slugging de .842)

Defensor externo – Christian Yelich, Estados Unidos (31%, três corridas impulsionadas e quatro rebatidas duplas)

Rebatedor designado – Carlos Beltran, Porto Rico (43,5%, com cinco corridas impulsionadas e duas rebatidas duplas)

Arremessador – Kodai Senga, Japão (0,82 de ERA e 16 strikeouts em 11 entradas)

Arremessador – Marcus Stroman (MVP), Estados Unidos (1-1, ERA de 2,35, 15,1 entradas, nove strikeouts em três jogos)

Arremessador – Josh Zeid, Estados Unidos (ERA zerado, dois saves e 10 strikeouts em 10 entradas)

Comments
To Top