MLB

Jeff Bagwell, Tim Raines e Ivan ‘Pudge’ Rodriguez entram no Hall da Fama

Hall da Fama do Beisebol 2017

(Crédito: Instagram/reprodução)

Jeff Bagwell, Tim Raines e Ivan ‘Pudge’ Rodriguez foram eleitos para o Hall da Fama do Beisebol nesta quarta-feira (18), enquanto que Vladimir Guerrero e Trevor Hoffman conseguiram menos do que os 75% de votos que eram precisos por parte da Baseball Writers Association of America para entrarem na galeria de imortais.

Bagwell ficou com 86,2% dos votos, enquanto que Raines teve 86% e Rodriguez conseguiu 76%, ou seja, apenas quatro votos a mais do que era necessário (332 de 442 representam os 75%).

Hoffman ficou com cinco votos a menos da linha de corte e Guerrero com 15 a menos.

Barry Bonds (53,8%) e Roger Clemens (54,1%) continuaram a ganhar força na briga para entrar no Hall da Fama, mas novamente não foram eleitos. Há um ano, Clemens recebeu apenas 45,2% dos votos e Bonds ficou com somente 44,3%.

Os jogadores serão introduzidos no Hall da Fama de maneira oficial no dia 30 de julho, durante as cerimônias realizadas em Cooperstown, juntamente com Bud Selig, ex-comissário da MLB, e John Schuerholz, executivo aposentado do Atlanta Braves e do Kansas City Royals, ambos eleitos no mês passado para o Hall por um comitê de veteranos.

Neste ano, é apenas a sétima vez desde 1955 que o Hall da Fama teve uma nova classe com três membros ou mais, mas isso ocorreu três vezes nos últimos quatro anos. Em 2014, Tom Gravine, Greg Maddux e Frank Thomas foram para Cooperstown, enquanto que no ano seguinte foram eleitos Randy Johnson, Pedro Martinez, John Smoltz e Craig Biaggio.

“Eu não sei nem como devo reagir. Foi um turbilhão. Eu não poderia estar mais empolgado”, declarou Bagwell em uma teleconferência após o anúncio de sua nomeação.

Jeff Bagwell ganhou o Prêmio de Calouro do Ano e também o de MVP durante suas 15 temporadas na Major League Baseball, todas vestindo a camisa do Houston Astros (1991 a 2005). Ele foi eleito para quatro All-Star Teams, venceu três Prêmios de Silver Slugger e bateu 449 home runs antes de se aposentar aos 37 anos de idade, devido a uma artrite no ombro direito.

Tim Raines, outfielder que foi sete vezes All-Star com o Montreal Expos nos anos 1980, é considerado por muitos especialistas o segundo maior leadoff hitter (primeiro rebatedor em uma entrada) da história, atrás apenas de Rickey Henderson. Ele é o quinto na história da liga em bases roubadas, com 808, ficando atrás apenas de Henderson, Lou Brock, Billy Hamilton e Ty Cobb neste quesito.

Raines também vestiu as camisas do Chicago White Sox, do New York Yankees, do Oakland Athletics, do Florida Marlins e do Baltimore Orioles durante sua carreira profissional que durou 23 temporadas.

Ivan Rodriguez, o único considerado pela primeira vez neste ano a já ir para Cooperstown, publicou no Twitter uma mensagem dizendo que estava “sem palavras” juntamente com um vídeo em que ele aparece recebendo a chamada dizendo que ele tinha entrado para o Hall da Fama.

Rodriguez foi a 14 All-Star Teams e venceu 13 Prêmios Gold Glove durante sua carreira de 21 anos dividida entre Texas Rangers, Detroit Tigers, Florida Marlins, New York Yankees, Houston Astros e Washington Nationals.

Ele é o líder em uma carreira entre catchers com 2.844 rebatidas, 1.354 corridas, 572 rebatidas duplas e 2.543 jogos disputados.

Popular

Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright QuintoQuartoBR

To Top