MLB

Após ativar Roberto Osuna, Astros divulgam comunicado explicando a contratação do reliever

Roberto Osuna

Crédito: Instagram/reprodução

O Houston Astros adquiriu o reliever Roberto Osuna antes do trade deadline e o ativou no domingo após ele ter cumprido sua suspensão de 75 partidas. O general manager Jeff Luhnow divulgou comunicado explicando a contratação polêmica, pois o time texano já teve um caso de violência doméstica nas ligas menores que foi amplamente criticado por alguns de seus atletas.

De acordo com o ‘Houston Chronicle’, Osuna poderá enfrentar um máximo de seis meses preso por causa das acusações contra ele. Seu próximo encontro no tribunal será no dia 5 de setembro em Ontario e ele espera que a situação seja resolvida até lá.

Confira o comunicado na íntegra:

Em 4 de agosto, Roberto Osuna completou com sucesso o que foi requerido sob o programa de violência doméstica da MLB. Por causa dos procedimentos legais em andamento, muito pouco pode ser dito sobre o incidente em si ou sobre o caso envolvendo Roberto.

Nossa decisão de adquirir Roberto foi baseada na totalidade das informações que reunimos durante nossa extensa avaliação. Isso incluía o máximo de informações que pudéssemos reunir sobre o incidente específico e as acusações apresentadas. Mas também incluí informações sobre suas ações antes e depois do incidente, bem como sua reputação pessoal entre seus antigos colegas de equipe e treinadores. As informações sobre esse incidente específico pesaram muito na nossa decisão. Ao avaliarmos a totalidade das informações, sentimos que Roberto merecia uma segunda chance.

Estamos agora focados em garantir que Roberto tenha um impacto positivo fora de campo enquanto ele é membro do Houston Astros. Estamos oferecendo a Roberto o benefício de uma grande equipe e organização como ambiente de apoio para esse novo começo. O tempo dirá o que foi certo e errado. Acreditamos que Roberto não nos decepcionará. Se houver algum tipo de problema no futuro, tomaremos medidas imediatas e decisivas. Isso não será tolerado.

Esta foi uma decisão extremamente difícil para a nossa organização. Nós entendemos que isso causaria um debate significativo. Somos grandes crentes na proteção dos direitos das vítimas e continuamos comprometidos em ter um impacto positivo na nossa comunidade. Usaremos essa decisão para aumentar significativamente nosso apoio, aumentar a conscientização e influenciar a mudança em relação às questões de violência doméstica e qualquer tipo de abuso. Estamos envolvidos com (as organizações) Houston Area Women’s Center, Texas Council on Family Violence, and National Network e End Domestic Violence e esperamos trabalhar com eles. Mantemos nosso compromisso com nossos fãs e com a cidade de Houston. Sempre fomos e continuaremos a ser fortes cidadãos corporativos para a nossa comunidade”.

Comments
To Top