Lutas e MMA

Dia de Matchmaker – UFC 266

Dia de Matchmaker

O UFC 266, que aconteceu no último sábado (25), teve um card recheado com duelos que irão ficar marcados na história. Primeiramente, a luta principal entre Alex Volkanovski e Brian Ortega demonstrou a raça dos dois atletas e o terceiro assalto foi um dos melhores rounds já visto no esporte. Além disso, outra defesa de título dominante de Valentina Shevchenko e a revanche incrível entre Robbie Lawler e Nick Diaz. A seguir, iremos incorporar nossos espíritos de Sean Shelby e apresentar os próximos passos para seis atletas do card principal no Dia de Matchmaker.

Alexander Volkanovski x Brian Ortega

Na luta principal do UFC 266, Alexander Volkanovski derrotou Brian Ortega por decisão unânime. O que falar dessa luta? Única coisa a se fazer é levantar e bater palmas para os dois atletas. O campeão e o desafiante protagonizaram um dos melhores combates e, talvez, o melhor round da história. O australiano sempre esteve um passo a frente do desafiante, mas o americano quase roubou um cinturão com uma guilhotina e um triângulo que estavam encaixados perfeitamente. Até agora, é difícil acreditar que o Alex não bateu ou apagou. No final, o reinado de Volkanovski na divisão dos penas continua de pé.

Essa foi a vigésima vitória consecutiva e a segunda defesa do título dos penas do Alexander Volkanovski. Assim, o próximo passo deve ser um confronto contra o vencedor do combate entre Max Holloway e Yair Rodriguez. Enquanto, Brian Ortega perda a segunda chance de capturar o cinturão da categoria, que já havia perdido para Holloway em 2018. Então, um confronto contra Calvin Kattar ou Edson Barboza seria interessante.

Valentina Shevchenko x Lauren Murphy

Na co-luta principal do UFC 266, Valentina Shevchenko derrotou Lauren Murphy por nocaute técnico no quarto round. A cada luta da Valentina, fica mais difícil de escrever esse texto. A divisão está ficando sem novos desafiantes para enfrentar a campeã. A vítima da vez foi Lauren Murphy, que mal acertou um golpe. Na luta, Shevchenko controlou o combate inteiro e quando a americana sentiu um cruzado de direita, a campeã não perdeu tempo e pressionou até o árbitro interromper.

Essa foi a oitava vitória consecutiva e sexta defesa de cinturão de Valentina Shevchenko. Assim, o próximo passo deve ser um superluta contra Amanda Nunes ou uma defesa de título contra a vencedora de Alexa Grasso e Joanne Calderwood. A derrota interrompeu uma sequência de cinco triunfos seguidos de Lauren Murphy. Então, um duelo contra Cynthia Calvillo ou Viviane Araújo seria bem interessante.

Nick Diaz x Robbie Lawler

Entre os meios-médios, Robbie Lawler derrotou Nick Diaz por nocaute técnico no terceiro round. Uma das personalidades mais interessantes da história do esporte, Nick Diaz voltou para uma revanche contra Robbie Lawler, 17 anos depois do primeiro combate. É bem tranquilo dizer que o retorno do Diaz mais velho impressionou. O esperado era ser nocauteado rapidamente e o que parecia que iria acontecer nos primeiros segundos, mas Nick pegou ritmo e transformou o confronto numa guerra. Entretanto, o tempo longe tem o seu preço e o atleta de Stockton não conseguiu continuar após ser derrubado por um forte cruzado de Lawler.

Antes de indicar o próximo passo para ambos os lutadores, é necessário comentar um pouco sobre Nick Diaz, que sempre teve uma relação de amor e ódio com o MMA. O esporte deu ao lutador uma plataforma para se tornar famoso, mas quem acompanhou a carreira do lutador sempre viu o desgosto por lutar que o americano possui. Depois do combate de sábado, é meio difícil dizer o próximo passo para Nick Diaz. Os comentários do próprio antes e depois da luta deu a parecer que só lutou por obrigação e não porque queria.

O melhor para a carreira de Nick Diaz é a aposentadoria. O guerreiro de Stockton já teve muitas guerras e entreteve diversos fãs ao redor do mundo. O corpo pede um fim e, por mais que o público queira vê-lo lutar novamente, é hora de pendurar as luvas. Para terminar, uma frase que resume o que é Nick Diaz: “Para amar lutar, eu tenho que odiar”.

Essa foi a primeira vitória de Robbie Lawler, desde junho de 2017. O ex-campeão dos meio-médios estava numa sequência de quatro derrotas seguidas. Assim, o próximo passo deve ser um combate contra Donald Cerrone ou o vencedor entre Niko Price e Alex Oliveira.

Próximos Passos

Portanto, esse foi o Dia de Matchmaker para seis atletas do card principal do UFC 266. Enfim, o UFC retorna no próximo sábado (02) com o UFC Vegas 38, que está recheado de boas lutas.

Foto: Reprodução/MMA Fighting

1 Comment

1 Comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popular

NFL, NBA MMA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: contact@quintoquartobr.com
Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top