COLUNAS

Os maiores reboteiros da história da NBA

Os maiores reboteiros da história da NBA

Antes de mais nada, vamos conhecer os maiores reboteiros da história da NBA. Assim, pela simples definição do fundamento do basquete, o rebote é a chance que ambas as equipes possuem para retomar a posse de bola, quando um arremesso não é convertido em cesta. Portanto, ao conquistar um rebote ofensivo, o time possui mais uma tentativa de arremesso e/ou uma nova chance para organizar o ataque. Da mesma forma, um rebote defensivo é de suma importância para armar uma jogada de contra-ataque.

Em suma, toda grande equipe precisa de um jogador especialista em rebotes, tanto ofensivos quanto defensivos. Estes jogadores são salvadores, conseguindo recuperar bolas perdidas, além de interromper a sequência ofensiva do adversário. A seguir, estão listados os 10 maiores reboteiros da história da NBA.

Top 10 maiores reboteiros da história da NBA

10. NATE THURMOND

  • Total Rebotes: 14.464
  • Times: Warriors (1963 – 1974), Bulls (1974 – 1975), Cavaliers (1975 – 1977)

Inicialmente, Nate Thurmond jogou a maior parte da sua carreira no San Francisco (atual Golden State Warriors), e foi destaque na defesa. Da mesma forma, foi eleito cinco vezes para o melhor time defensivo da NBA. Ainda mais, foi eleito sete vezes para o time All-Star da NBA.

9. KEVIN GARNETT

  • Total Rebotes: 14.662
  • Rebotes Defensivos: 11.453
  • Rebotes Ofensivos: 3.209
  • Times: Timberwolves (1995 – 2007, 2015 – 2016), Celtics (2007 – 2013), Nets (2013 – 2015)

Antes de mais nada, Kevin Garnett é o maior reboteiro defensivo da história da NBA, com 11.453 rebotes. Além disso, é lembrado como o precursor dos “unicórnios”, aqueles jogadores de garrafão que são altos e com habilidades e agilidade fora do comum para um jogador de tal porte físico.

Do mesmo modo, jogadores como Anthony DavisKevin Durant surfaram a onda do legado de Garnett para brilhar com o arremesso de longa distância.

8. ROBERT PARISH

  • Total Rebotes: 14.715
  • Rebotes Defensivos: 10.117
  • Rebotes Ofensivos:  4.598
  • Times: Warriors (1976 – 1980), Celtics (1980 – 1994), Hornets (1994 – 1996), Bulls (1996 – 1997)

De antemão, Parish foi essencial para a conquista de quatro títulos do Boston Celtics nos anos 80, principalmente devido à sua excelente atuação na defesa da franquia. Por outro lado, é o terceiro na lista em número de tocos, e pode ser considerado um pivô completo, com seu tamanho, força física e um bom arremesso.

7. KARL MALONE

  • Total Rebotes: 14.968
  • Rebotes Defensivos: 11.406
  • Rebotes Ofensivos: 3.562
  • Times: Jazz (1985 – 2003), Lakers (2003 – 2004)

Antes de tudo, além do sétimo maior reboteiro da NBA, Karl Malone também é um dos maiores pontuadores da liga, se aproveitando dos passes de John Stockton e de todas as bolas recuperadas no ataque. Do mesmo modo, é o segundo da lista em rebotes defensivos, sendo dominante, com arremesso, agilidade, inteligência e frieza.

6. TIM DUNCAN

  • Total Rebotes: 15.091
  • Rebotes Defensivos: 11.232
  • Rebotes Ofensivos: 3.859
  • Times: Spurs (1997 – 2016)

Em primeiro lugar, Tim Duncan é considerado o terceiro melhor no fundamento do rebote defensivo da história da liga. Ainda mais, sua inteligência dentro de quadra, além de seu talento, foram essenciais para a conquista de cinco títulos em conjunto com Manu Ginobili, Tony Parker e o técnico Gregg Popovich.

Top 5 maiores reboteiros da história da NBA

5. MOSES MALONE

  • Total Rebotes: 16.212
  • Rebotes Defensivos: 9.481
  • Rebotes Ofensivos: 6.731
  • Times: Buffalo Braves (1976), Rockets (1976 – 1982), 76ers (1982 – 1986), Bullets (1986 – 1988), Hawks (1988 – 1991), Bucks (1991 – 1993), 76ers (1993 – 1994), Spurs (1994 – 1995)

Em primeiro lugar, diferentemente dos jogadores citados anteriormente, Moses Malone é o líder em rebotes ofensivos da NBA. Ainda mais, por ser o líder neste lado da quadra, Malone é também um dos maiores pontuadores da história. Do mesmo modo, Malone foi eleito MVP e MVP das finais de 1983, impactou os Rockets e é um dos melhores jogadores da história do 76ers.

4. ELVIN HAYES

  • Total Rebotes: 16.279
  • Times: San Diego Rockets (1968 – 1972), Washington Bullets (1972 – 1981), Houston Rockets (1981 – 1984)

Primeiramente, Elvin Hayes – The Big E – foi um ala-pivô que impactou próximo à cesta, tanto na pontuação, quanto nos rebotes. Foi o cestinha da liga em sua primeira temporada em 1968, o único jogador a conseguir este posto. Além do mais, Hayes foi fundamental para os Rockets, e até hoje é considerado o maior cestinha dos Wizards, com mais de 15 mil pontos.

Top 3 maiores reboteiros da história da NBA

3. KAREEM ABDUL-JABBAR

  • Total Rebotes: 17.440
  • Times: Bucks (1969 – 1975), Lakers (1975 – 1989)

Primeiramente, Kareem Abdul-Jabbar é o maior cestinha da história da NBA com 38.387 pontos e provável que o melhor jogador a transitar pelos garrafões da liga. Por outro lado, foi decisivo para a história dos Bucks, ao participar da conquista do primeiro título da franquia em 1971.

Além disso, marcou presença na história ofensiva dos Lakers, na era de Magic Johnson, e, ao longo de sua carreira, conquistou seis títulos da NBA e seis MVPs da temporada regular (o maior vencedor desta premiação individual).

2. BILL RUSSEL

  • Total Rebotes: 21.620
  • Times: Celtics (1956 – 1969)

Em primeiro lugar, o segundo maior reboteiro da NBA é o o maior campeão da história da liga. Assim, tem 11 títulos em 13 temporadas pelo Boston Celtics. Qualquer dúvida que ainda possa haver sobre a importância dos rebotes, acaba em Bill Russel, que revolucionou a defesa em sua época. Ainda mais, evidenciando sua relevância ofensiva e defensiva, Russel teve médias de 15 pontos por jogo, além de 22,5 rebotes por jogo.

1. WILT CHAMBERLAIN

  • Total Rebotes: 23.924
  • Times: Globetrotters (1958 – 1959), Warriors (1959 – 1965), 76ers (1965 – 1968), Lakers (1968 – 1973)

Por fim, fechando a lista de maiores reboteiros da história da NBA, o líder em número de rebotes pertence ao “Golias”, Wilt Chamberlain. Além de ser o líder em rebotes ao longo de sua carreira, Wilt também coleciona alguns recordes individuais, como o maior reboteiro em uma temporada regular (2.149) em um único jogo de playoffs (71) e de temporada regular (55).

Ainda mais, o pivô foi o primeiro a alcançar a marca de 31 mil pontos na carreira, e possui uma média histórica de 30,1 pontos por jogo e 22,9 rebotes por jogo.

MENÇÃO HONROSA: DENNIS RODMAN

  • Total Rebotes: 11.954
  • Rebotes Defensivos: 7.625
  • Rebotes Ofensivos: 4.329
  • Times: Pistons (1986 – 1993), Spurs (1993 – 1995), Bulls (1995 – 1998), Lakers (1998 – 1999), Mavericks (1999 – 2000)

Em primeiro lugar, Dennis Rodman não teve números suficientes para entrar no Top 10 em líderes dos rebotes, ficando “apenas” na posição 23 do ranking da NBA. Entretanto, vale ressaltar o seu altíssimo impacto para a conquista do título dos Pistons (1989 e 1990) na era dos Bad Boys, e dos Bulls (1996 a 1998), no segundo three-peat da era Jordan.

A saber, considerado por muitos como o “gênio louco”, Rodman não só dominou o fundamento pela imposição física que é exigida, mas também quase que como uma ciência. Neste ínterim, Isiah Thomas comentou como Rodman perdeu alguns aquecimentos do Pistons para estudar como eram os giros da bola quando cada jogador arremessava. Sendo assim, estudando o giro da bola, o ala podia antecipar o movimento e se posicionar de forma estratégia na quadra para conquistar o rebote.

De antemão, a ciência de Rodman é explicada por ele mesmo em sua no documentário The Last Dance, que conta sobre o último título do Chicago Bulls em 1998. Em suma, ao dominar a técnica dos rebotes, Rodman é o quarto maior reboteiro ofensivo da liga, além de possuir 13,1 rebotes por jogo em sua carreira e ser considerado por sete anos seguidos, líder em rebotes gerais da temporada. Por fim, apesar de não ser o maior em números, Rodman talvez seja o melhor, levando o fundamento a quase que uma ciência.

Foto destaque: Reprodução / Pinterest

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popular

NFL, NBA MMA e MLB. Notícias, relatos e colunas. E uma pitada de humor de tiozão. Contato: contact@quintoquartobr.com
Copyright © 2015-2021 - https://www.quintoquartobr.com/

+18 Jogue com responsabilidade


Copyright © 2015 The Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top