Cachorrada

Tracy Porter é preso por suposto incidente com namorada

Tracy Porter, ex-cornerback da NFL

(Crédito: Baton Rouge Police Department/divulgação)

Tracy Porter, ex-cornerback da National Football League e astro do Super Bowl XLIV, foi preso na última terça-feira (10) em Baton Rouge, na Louisiana, sob acusações de violência doméstica e posse de drogas, como confirmou a polícia.

A prisão deriva de um caso ocorrido no dia 5 de outubro, no qual Porter e sua namorada entraram em um confronto físico em uma autoescola, onde a suposta vítima tinha ido para pegar suas chaves com o ex-jogador.

Segundo um porta-voz da polícia de Baton Rouge, na Lousiana, uma discussão verbal entre os dois se tornou física. A mulher alega que Porter a agarrou pelos braços e a empurrou contra o veículo, posteriormente a agarrando na área do pescoço e do rosto.

Havia lesões nessas áreas, consistentes com os relatos da moça, segundo o porta-voz.

Porter disse à polícia que ele agarrou a suposta vítima, mas apenas para se proteger. O ex-cornerback também foi flagrado com posse de maconha, acetaminofeno e uma arma de fogo. Ele foi acusado de agressão contra parceiro de namoro, posse de maconha e intenção de distribuir uma droga de cronograma 2.

Atualmente com 31 anos de idade, Porter é nativo de Port Allen, na Louisiana. Ele passou suas quatro primeiras temporadas na NFL defendendo o New Orleans Saints, time que o selecionou na segunda rodada do draft de 2008.

Porter se tornou uma lenda dos Saints ao interceptar o quarterback Brett Favre na final da Conferência Nacional (NFC) de 2010 e também por interceptar Peyton Manning e retornar para touchdown no lance que selou a vitória da franquia no Super Bowl XLIV.

O cornerback também vestiu as camisas do Denver Broncos, do Oakland Raiders, do Washington Redskins e do Chicago Bears de 2012 a 2016.

Comments
To Top