NFL

Mark Ingram: “Não estou insatisfeito com o meu contrato”

Mark Ingram, running back do New Orleans Saints

(Crédito: Twitter/reprodução)

Mark Ingram foi o centro das atenções no primeiro dia do minicamp obrigatório após não ter comparecido às OTAs do New Orleans Saints. Cerca de 50 membros da imprensa compareceram ao armário do running back e ficaram esperando ele, que deu uma risada quando viu a multidão.

Depois do grande sorriso, ele passou pela multidão para fazer seus primeiros comentários desde o anúncio de sua suspensão de quatro jogos por violar a política da NFL de substâncias para melhorar o desempenho.

“Batalhei muito. Não concordo com isso. Vou cumprir minha suspensão e voltaria”, declarou o jogador de 28 anos, que se mostrou surpreso com a punição e se recusou a entrar nos detalhes que levou a decisão da liga. “A decisão foi tomada. A decisão foi tomada e vou cumprir minha suspensão”.

Ingram está entrando em seu último ano de contrato, que lhe pagará um salário base de US$ 4 milhões. No entanto, o tailback rapidamente rebateu as especulações sobre o status de seu contrato e o motivo de ter decidido se ausentar das OTAs, que são voluntárias.

“As pessoas fazem sua própria narrativa. A mídia faz sua própria narrativa. Não estou insatisfeito com o meu contrato. Eu não estava fazendo boicote. Sim, estou no meu último ano de contrato, é claro que eu gostaria de uma extensão, mas essa não é a razão pela qual eu não compareci. É voluntário, você tem a opção de vir”, afirmou o running back.

Enquanto os Saints realizaram as OTAs, Ingram decidiu treinar sozinho na Flórida, onde ele disse que o foco estava no trabalho de velocidade, correr rotas, pegar passes, cuidar do seu corpo e reduzir seu peso. “Sinto que quando você fica um pouco mais velho em sua carreira, você sabe exatamente o que você precisa para se preparar. Você sabe exatamente o que seu corpo precisa para se preparar para uma temporada. Estive neste sistema sete anos, fiz o programa de offseason sete anos, sei exatamente o que isso implica”.

Comments
To Top