NFL

Drew Brees e New Orleans Saints fecham novo contrato de dois anos

Drew Brees, quarterback do New Orleans Saints

(Crédito: Twitter/reprodução)

O torcedor do New Orleans Saints finalmente pode respirar aliviado, afinal o maior ídolo da história da franquia não vai a lugar algum. O quarterback Drew Brees acertou um novo contrato de dois anos nesta terça-feira (13) e vai permanecer na franquia da Louisiana pelo menos até a temporada 2019 da National Football League.

Segundo os jornalista Ian Rapoport e Jane Slater, da ‘NFL Network’, o contrato tem valor de US$ 50 milhões.

Como acrescenta Tom Pelissero, também da ‘NFL Network’, o camisa 9 vai receber US$ 27 milhões garantidos no primeiro ano do acordo.

O acordo de Brees foi divulgado como de dois anos, mas na verdade será um contrato de um ano com uma opção para o time após o primeiro ano, como o próprio jogador confirmou à ‘ESPN’ norte-americana. Segundo Adam Schefter, da ‘ESPN’, o contrato inclui uma cláusula que impede troca.

“Eu acho que isso proporciona certamente o time com maior flexibilidade quando se trata de antecipar o futuro e a capacidade de adquirir free agents e renovar com jogadores do nosso elenco atual que vão construir um time campeão”, falou Brees sobre sua abertura para aceitar um contrato com apenas um ano garantido.

Brees insistiu o tempo todo que desejava ser um “Saint por toda a vida” e que não gostaria de entrar em uma guerra contratual entre times interessados em seus serviços. E o QB teria a chance de possivelmente se tornar o jogador mais bem pago da história da NFL se tivesse feito isso.

“Eu amo meu time e estou empolgado com a oportunidade que teremos juntos”, frisou.

A notícia é um grande alívio para os torcedores dos Saints e também para a comissão técnica e jogadores. Afinal, muitos rumores estavam circulando nos últimos dias.

Após as notícias de que o Minnesota Vikings tinha sondado o QB, o time de Nova Orleans se mexeu e as duas partes fizeram um progresso considerável nas negociações durante a visita de Brees às instalações do time, na última segunda (12).

A média anual de faturamento de Brees neste novo contrato fica pouco abaixo do contrato assinado por Jimmy Garoppolo com o San Francisco 49ers, com valor de US$ 27,5 milhões por temporada.

O valor, contudo, é ótimo para um quarterback que já está com 39 anos e entra na reta final de sua carreira. E é uma recompensa para um signal caller que não está demonstrando sinais de queda de produtividade.

Na temporada regular de 2017, Brees acertou 72% de seus passes para 4.334 jardas, 23 touchdowns e oito interceptações.

Responsável por mudar a franquia desde que chegou aos Saints, em 2006, e um dos responsáveis por trazer o primeiro título de Super Bowl a Nova Orleans, Brees agora tem tudo para encerrar sua carreira no time em que se consagrou.

Agora com um ataque cheio de peças e uma defesa sólida, Brees tentará levar os Saints novamente ao maior jogo do esporte americano.

Brees lançou para 58.097 jardas e 408 touchdowns com a camisa dos Saints, maior quantidade por qualquer quarterback em qualquer período de 12 temporadas na história da NFL.

O astro está em ritmo para ultrapassar Peyton Manning e Brett Favre em 2018 e se tornar o líder de jardas aéreas na história da National Football League.

Brees precisa de apenas 1.496 jardas lançadas para superar o recorde de Manning de 71.940 jardas de passe. O QB dos Saints também precisa de mais 52 passes para touchdown para quebrar o recorde de Manning de 539.

Em 249 jogos de temporadas regulares na carreira, que começou no então San Diego Chargers, Drew Brees completou 66,9% de seus passes para 70.445 jardas, 488 touchdowns e 228 interceptações.

Comments
To Top