NFL

David Tepper chega a um acordo e é o novo proprietário do Carolina Panthers

David Tepper, bilionário e novo proprietário do Carolina Panthers

(Crédito: Twitter/reprodução)

David Tepper, proprietário minoritário do Pittsburgh Steelers, chegou a um acordo nesta quarta-feira (16) para comprar o Carolina Panthers e ele vai manter a franquia na Carolina do Norte.

A informação foi confirmada pelos jornalistas Ian Rapoport, da ‘NFL Network’, e Adam Schefter e Seth Wickersham, da ‘ESPN’ norte-americana.

O jornal ‘Charlotte Observer’ noticiou em primeira mão que os Panthers serão vendidos pelo valor de US$ 2,2 bilhões, valor que estabelece um novo recorde de preço de venda de um time da National Football League. Anteriormente, o Buffalo Bills, vendido por US$ 1,4 bilhão em 2014, era o recordista.

O Houston Rockets, time da NBA, também foi vendido por US$ 2,2 bilhões em 2017.

O acordo de compra dos Panthers por Tepper deve ser aprovado no encontro de proprietários da liga, que será realizado no dia 22 de maio, na cidade de Atlanta. A compra precisa ser aprovada pelo comitê de finanças da NFL e também receber aprovação de ¾ dos 32 donos de franquias.

David Tepper, fundador do fundo de cobertura global Appaloosa Management, tem uma fortuna estimada em US$ 11 bilhões, de acordo com a ‘Forbes’, e se comprometeu a manter o Carolina Panthers em Charlotte. Sob as regras da NFL, Tepper deve ter pelo menos 30% do preço de venda.

Como Tepper, que atualmente está com 60 anos de idade, é proprietário minoritário dos Steelers, ele já passou pelo processo de habilitação de liga. Atualmente, ele possui 5% dos Steelers e ele teria que vender essa parcela antes de consumar a compra do Carolina Panthers.

Os Panthers foram colocados à venda após a temporada 2017 da NFL, depois que denúncias de assédio sexual e má conduta no ambiente de trabalho vieram à tona contra o proprietário Jerry Richardson. Essas denúncias foram publicadas em uma reportagem da ‘Sports Illustrated’ publicada em dezembro do ano passado.

No dia 17 de dezembro, a ‘Sports Illustrated’ publicou a reportagem afirmando que Richardson assediou sexualmente várias mulheres e usou uma ofensa racial contra um olheiro do time. A reportagem ainda disse que os Panthers chegaram a acordos com pelo menos quatro ex-funcionários em relação ao comportamento inadequado no ambiente de trabalho.

Atualmente com 81 anos de idade, Richardson supostamente fez comentários sobre as aparências das mulheres, tocou de forma inadequada as funcionárias e fez avanços em direção às mulheres que incluíam perguntar se ele poderia depilar as pernas delas e pedidos que elas lhe fizessem massagens nos pés.

No mesmo dia 17 de dezembro em que a reportagem foi publicada, Jerry Richardson emitiu uma carta afirmando que ia vender a organização ao final da temporada.

Novo dono, Tepper é um dos maiores gestores de fundo de sua geração e também tem muitos trabalhos filantrópicos em seu currículo, particularmente em regiões onde ele morou.

Ele doou US$ 3 milhões ao longo do ano para ajudar nos esforços pós-furacão em Porto Rico e no Texas.

Tepper cresceu em um bairro de classe média baixa em Pittsburgh e se formou e economia pela Universidade de Pittsburgh. No início de sua carreira, ele trabalhou como analista de crédito da Goldman Sachs.

Comments
To Top