NBA

Lance Stephenson, Caldwell-Pope e JaVale McGee compram projeto dos Lakers

Lance Stephenson Pacers

Crédito: Instagram/reprodução

O domingo, 1 de julho, foi histórico para o Los Angeles Lakers: o time conseguiu seduzir LeBron James e sair da pior fase de sua vitoriosa trajetória. E junto com LeBron, a franquia começou a completar seu elenco, inclusive com um dos seus maiores inimigos em quadra.

Não é Kevin Durant, Tim Duncan, Kobe Bryant ou Kyrie Irving. E sim o eterno Lance Stephenson.

Os dois bateram cabeça especialmente nas séries entre Miami Heat e Indiana Pacers quando LeBron jogava na Flórida. A marcação incansável de Stephenson e provocações constantes pareciam fazer mais efeito no quatro vezes MVP que a sombra de outros defensores.

Na temporada passada houve novo duelo na guerra entre Cavaliers e Pacers, com Stephenson entrando bem em várias partidas da série de sete jogos.

Dessa vez Stephenson vai encher a paciência dos rivais de LeBron e os Lakers. O contrato é de um ano e US$ 4,5 milhões.

Outro personagem que chega no time de Los Angeles é JaVale McGee. Depois de rodar pela liga e ser considerado uma dor de cabeça por suas maluquices e erros bizarros em quadra, ele chegou nos Warriors e foi abraçado pelo elenco e comissão técnica, sendo importante saindo do banco nos dois últimos títulos da equipe.

O maior contrato desses três será o de Kentavious Caldwell-Pope, que jogou a temporada passada pelos Lakers com um acordo de um ano e US$ 18 milhões e agora terá a mesma duração, mas US$ 12 milhões. Um jogador 3 and D (bolas de três e defesa), ele é um excelente complemento para o camisa 23.

Ainda falta a estrela para jogar com LeBron, mas o elenco começa a tomar forma.

Comments
To Top